4 dicas sobre o que fazer após a residência médica

4 dicas sobre o que fazer após a residência médica

Leia em 3 min.

Existe vida após a residência médica. E ela pode ser mais surpreendente do que você imagina!

Certamente, você sentiu uma alegria sem igual quando passou no vestibular para o tão sonhado curso de medicina. O próximo desafio vencido foi concluir a faculdade, seguida pela residência. Entretanto, ao chegar nessa fase, muitos médicos se deparam com um verdadeiro dilema: o que fazer após a residência médica?

Embora a residência seja uma forma de atuar no mercado de trabalho, a sua conclusão é considerada um marco de transição entre a vida acadêmica e o início da carreira. Essa situação gera certa ansiedade a muitos dos novos doutores, que não sabem ainda o que farão de suas vidas profissionais.

Se você se encontra nessa etapa, confira este post! Para ajudá-lo, listamos 4 dicas para a sua carreira após terminar a residência.

1. Estude para concurso público

Concursos para trabalhar em postos de saúde ou hospitais públicos são o sonho alguns recém-formados em medicina. Se você também simpatiza com a carreira pública, por que não se inscrever?

Entretanto, para conquistar uma oportunidade nesse modelo de trabalho é necessário gostar de estudar, já que as provas podem não ser nada fáceis e a concorrência é bastante alta. Mas, ao final, com os benefícios conquistados, o esforço valerá a pena.

2. Obtenha nova especialização

Após a conclusão da faculdade e da residência, você estará apto a trabalhar como clínico geral.

Porém, muitos médicos, após a residência, pensam em continuar os estudos e investir em uma nova especialização para se tornar referência no mercado. Se você tem essa vontade, por que não ir em frente?

Existem 53 especialidades médicas para você escolher. Dessa forma, há possibilidade de se tornar cardiologista, dermatologista, ginecologista, pediatra dentre outras opções.

Para quem deseja estudar no exterior, e não teve essa oportunidade até então, essa pode ser a hora. Mesmo tendo se formado no Brasil, você pode cursar uma especialização no exterior e tornar o seu currículo ainda mais atraente para o nosso mercado, se tornando um destaque quando retornar.

o-que-fazer-apos-a-residencia-medica

3. Trabalhe em clínicas

Assim que concluir a residência, você pode iniciar a sua carreira trabalhando em clínicas médicas. Sempre tem alguém precisando contratar um novo profissional no ramo da medicina e essa pode ser a sua oportunidade de conquistar o primeiro emprego na área.

Muitos enxergam nessa opção uma chance de entrar no mercado e desenvolver os seus conhecimentos, sem toda a concorrência dos concursos públicos.

4. Abra seu próprio consultório

É bem comum encontrar médicos que atuam por um tempo como contratados para depois abrirem a sua própria clínica. Entretanto, há quem reúna condições para empreender assim que terminar a residência médica.

Se você sonha em trabalhar para si mesmo e tem os recursos necessários para investir, por que não embarcar nesta jornada? É necessário ter em mente que, por ser a sua primeira atuação no mercado, pode ser que leve um tempo até construir a sua imagem junto ao público e conquistar um bom número de pacientes.

Mas, seguindo as nossas dicas de marketing médico, você aumenta as suas chances de conquistar mais pacientes!

Curso Grátis: Como Abrir uma Clínica

Como vimos, quem não sabe ainda o que fazer após a residência, conta com um leque de opções para escolher. Que tal começar a analisar cada possibilidade até encontrar a que mais lhe agrada?

Se você gostou do post, assine nossa newsletter e receba sempre conteúdos interessantes. 🙂

Postagens relacionadas


Sobre o autor

Flávia Saldanha

Analista de Marketing na iClinic, foco em E-mail Marketing e Comunicação. Formada em Economia na USP, com ênfase em Negócios Internacionais.