Dicas para garantir a lucratividade da sua clínica

Descubra como garantir a lucratividade na clínica

Maria Beatriz Oliveira Gestão da Clínica

Leia em 6 min.

Última atualização em 19/11/2021 por Yasmim Mayumi

Garantir a lucratividade na clínica é fundamental para o crescimento do negócio e para um bom atendimento aos pacientes.

Prefere escutar ao invés de ler? Clique no player:

A lucratividade na clínica é um indicador de eficiência e desempenho que indica qual é o ganho percentual gerado pela empresa sobre o trabalho que é desenvolvido.

Esse indicador faz parte de toda gestão financeira, algo fundamental para reduzir seus custos, aumentar os lucros e conquistar a sustentabilidade das finanças.

Com um maior controle da sua lucratividade, você melhora sua gestão e se planeja financeiramente para tomar boas decisões. Segundo um artigo da Revista de Ciências Empresariais da UNIPAR:

“O planejamento financeiro é a fonte da continuidade da organização, pois sem ele é difícil tomar decisões corretas.”

Neste artigo, você vai conferir como garantir a lucratividade na clínica e controlar sua gestão financeira para obter excelentes resultados. Confira!

5 dicas para garantir a lucratividade na clínica médica

Para garantir a lucratividade na clínica, algumas ações podem ser tomadas, como análise de indicadores, acompanhamento do fluxo de caixa e identificação de gargalos financeiros.

Em nossa websérie sobre gestão financeira, você confere mais dicas práticas para colocar em prática na clínica e alavancar mais seus resultados:

Confira a seguir 5 dicas para implementar a partir de hoje e garantir a lucratividade na clínica:

1. Conheça sua lucratividade e rentabilidade

Você sabe como calcular a lucratividade e a rentabilidade da sua clínica?

Embora pareçam sinônimos, a rentabilidade da clínica é o retorno obtido sobre o capital investido.

Já a lucratividade é o ganho excedente, ou a diferença entre o valor de venda e o valor gasto para que o serviço seja prestado.

Conhecer a lucratividade e a rentabilidade da sua clínica é um excelente primeiro passo para organizar suas finanças e mantê-las sempre rentáveis.

Para calcular a lucratividade, você deve diminuir todas as despesas da receita bruta obtida, chegando à seguinte fórmula:

Receita – Despesas = Lucro

Em seguida, divida o lucro pela receita total e multiplique por 100 para encontrar seu percentual de lucratividade:

Lucratividade = (Lucro / Receita) x 100

Por exemplo, vamos supor que você gaste 50 reais por consulta e cobre 180 reais por cada uma e, ao final do mês, realize 100 consultas. Dessa forma, a conta fica:

18.000 – 5.000 = 13.000

Aplicando o valor do lucro na fórmula da lucratividade, temos:

Lucratividade = (13.000 / 18.000) x 100 = 72,2%

Ou seja, com 13.000 reais de lucro, sua lucratividade foi de aproximadamente 72% da receita bruta.

Para calcular a rentabilidade, você precisa considerar qual foi o investimento inicial realizado na empresa.

Depois, você deve dividir esse valor pelo resultado estimado de seu fluxo de caixa anual. 

Dessa maneira, você obtém a rentabilidade anual do investimento, também conhecida como taxa de retorno anual, de acordo com a seguinte fórmula:

Rentabilidade = (Fluxo de caixa anual / Investimento inicial) x 100

Suponhamos que você tenha gastado 150 mil reais para abrir a clínica e que seu fluxo de caixa anual seja de 50 mil reais. Assim, a conta fica:

Rentabilidade = (50.000 / 150.000) x 100 = 33%

Esses números são os indicadores do sucesso de seu negócio, e seu objetivo deve ser sempre mantê-los o mais alto possível.

No final das contas, importante é não ter apenas o conceito, mas utilizá-lo na prática em suas tomadas de decisões para melhorar o resultado final. 

2. Conquiste mais organização e reduza seus custos

Como você organiza suas finanças na clínica?

Seja para calcular a lucratividade e rentabilidade, reduzir custos, fazer seu fluxo de caixa ou declarar seus impostos corretamente, a organização financeira é indispensável em qualquer negócio.

Para obter uma boa organização financeira, lançar todas as despesas e receitas é um ponto chave para ter uma visão geral da saúde financeira da clínica.

Com um sistema para clínicas, é possível registrar todas as suas movimentações financeiras e centralizar os dados em um só lugar, o que garante segurança e evita erros provenientes da desorganização.

Por meio da digitalização de processos manuais, você obtém um maior controle sobre seus custos, e com a geração de gráficos e relatórios automáticos do sistema, é possível ter uma ótima visão do negócio.

Imagine que, com o sistema, você descobriu que paga a maioria das suas contas no início do mês, porém a maior parte de seus recebimentos entra dia 20.

Dessa maneira, você se organiza, negocia a respeito da mudança de datas dos pagamentos e se mantém com um fluxo de caixa positivo durante o mês inteiro.

Além disso, um bom sistema de gestão vem com outras funcionalidades indispensáveis, como prontuário eletrônico, agenda médica e lembretes de consulta.

Com a utilização do prontuário eletrônico junto aos lembretes de consulta, você economiza papel, espaço e gastos com telefonia, o que permite uma redução de custos substancial em sua clínica.

Em nossa checklist gratuita, você confere como escolher o melhor sistema para sua clínica:

Checklist grátis: escolha o sistema ideal para sua clínica médica

Ao controlar suas finanças e reduzir seus gastos, você alcança uma ótima organização financeira. 

3. Atraia e fidelize pacientes

A atração e fidelização de pacientes é outro pilar fundamental para garantir a lucratividade da clínica.

Com o uso do marketing médico, você consegue atrair mais pessoas e assegurar uma agenda sempre cheia

Porém, é fundamental fidelizar esses novos pacientes para conquistar a confiança deles, obter a continuidade no tratamento e também mais indicações boca a boca para a clínica.

Para isso, você pode otimizar a jornada do paciente em sua clínica cuidando dos seguintes pontos:

Realize treinamentos para as recepcionistas

As recepcionistas são o primeiro contato que todos os pacientes têm com a clínica. Por isso, você deve contar com a colaboração de pessoas dispostas, que saibam como atender os pacientes da melhor forma. 

Uma das maneiras de garantir isso é contratar bons profissionais e realizar treinamentos para que eles se mantenham atualizados e entreguem aos pacientes uma ótima experiência.

Cuide do ambiente da recepção

Para garantir a melhor experiência aos pacientes, o ambiente da recepção deve ser um lugar acolhedor, oferecer facilidades como revistas, TV, café e água, e estar sempre limpa e organizada.

Utilize a tecnologia para otimizar seus processos

Um software médico entrega segurança, organização e centralização de dados para a clínica.

Esse aspecto é importante para um bom atendimento ao paciente. 

Assim, ele não precisa ficar esperando enquanto a recepcionista procura pelo cadastro em meio a uma sala de arquivos cheia de papéis.

Ofereça diferentes meios de pagamento

Embora muitos pacientes se desloquem até agências bancárias apenas para retirar o dinheiro para as consultas, essa não é uma situação muito agradável, não concorda? 

Para obter mais segurança e comodidade, oferecer diferentes meios de pagamento, como pagamento em cartões, parcelamento, pix e pagamento online é essencial.

A grande vantagem dos pagamentos digitais é que eles aumentam o poder de compra do paciente, possibilitando um maior acesso a consultas e procedimentos.

Invista no marketing de relacionamento

Como você mantém contato no pós-consulta com seus pacientes? Investir no marketing de relacionamento ajuda os pacientes com conteúdos de qualidade e aumenta a fidelização. 

Afinal, eles sempre lembrarão de você, e por meio da produção constante de conteúdo, você se estabelece como uma autoridade digital em sua área de atuação. 

Uma opção que está sendo cada vez mais utilizada nas clínicas é o e-mail marketing

Com ele, você mantém suas comunicações segmentadas e automatizadas, mantendo-se, assim, sempre em contato com seus pacientes.

4. Evite as glosas

As glosas são os faturamentos que não são recebidos ou são recusados dentro das organizações de saúde devido a problemas de comunicação entre clínicas e convênios.

Em geral, elas acontecem quando as informações fornecidas não conferem com o registro do banco de dados do plano de saúde.

Esse problema gera retrabalho, atraso em recebimentos e prejuízos financeiros

Um dos motivos para as glosas provém de erros no preenchimento de planilhas, formulários e da burocracia para autorizar procedimentos.

Algumas dicas práticas para evitá-las e garantir a lucratividade na clínica são:

  • Confira as datas do faturamento de seus procedimentos;
  • Digitalize seus processos com um sistema de gestão;
  • Vincule corretamente materiais e medicamentos;
  • Digitalize o preenchimento da matrícula do beneficiário;
  • Monitore seus processos de faturamento médico e conte com a ajuda de especialistas.

Aprenda mais sobre gestão de clínicas e consultórios em nosso eBook gratuito:

eBook Grátis: Com conceitos e dicas práticas, veja como melhorar a gestão seu consultório e alavanque os seus resultados com as melhores ferramentas de administração. Clique aqui!

5. Otimize sua agenda médica

Como você mantém a organização da sua agenda médica?

A agenda médica cuida do principal ativo da clínica: os atendimentos aos pacientes.

Otimizar sua agenda para que ela esteja sempre organizada é fundamental para prestar um atendimento de excelência aos pacientes, além de diminuir o número de faltas e atrasos

Uma ferramenta que ajuda bastante na diminuição do absenteísmo é o envio de um link de pagamento, seja no momento de agendamento ou até mesmo na confirmação da consulta.

Outra ótima dica é utilizar um sistema médico com agenda online. A agenda online evita falhas comuns da agenda de papel, como rasuras ou ilegibilidade.

Além do mais, com a agenda online, é possível manter todos os dados atualizados em tempo real para médicos e secretárias. 

Com a lista de espera, a recepção também consegue agilizar o processo de encaixe de pacientes, caso haja alguma falta em cima da hora. 

Os lembretes de consulta facilitam esse ponto, já que os pacientes recebem um lembrete por SMS, e-mail ou WhatsApp no dia anterior e confirmam se irão ou não comparecer à consulta, sem a recepcionista precisar ligar manualmente para cada um.

A agenda online do iClinic, por exemplo, oferece outra grande facilidade ao médico com o envio da lista de pacientes por e-mail no dia anterior.

Assim, você se programa da melhor maneira e deixa seus horários otimizados para evitar os atrasos das consultas e oferecer aos pacientes uma excelente jornada em sua clínica.

Ao longo do conteúdo, você conferiu algumas dicas valiosas para garantir a lucratividade na clínica e alavancar seu negócio.

Para receber mais materiais como este, cadastre-se gratuitamente em nossa newsletter.


Sobre o autor

Maria Beatriz Oliveira

Especialista em Marketing de Conteúdo e estudante de Marketing na Uninter.