5 formas de fidelizar pacientes com o e-mail marketing para médicos

5 formas de fidelizar pacientes com o e-mail marketing para médicos

Yasmim Mayumi Marketing Médico Leave a Comment

Leia em 7 min.

O e-mail marketing para médicos permite que uma relação forte e duradoura seja construída entre o profissional de saúde e o paciente, devido à comunicação humanizada e automatizada.

Os pacientes pós-digitais não são fidelizados apenas com um bom atendimento. Eles buscam um médico modernizado, que acompanhe as inovações da Medicina.

Um estudo da Revista Brasileira de Marketing sobre o marketing de relacionamento de clínicas e consultórios, também aborda o fato de um novo tipo de paciente ter surgido na área médica.

Esse paciente está disposto a mudar de profissional de saúde, caso sinta que os serviços não estão atingindo suas expectativas.

Segundo os resultados do estudo, os médicos precisam rever suas estratégias de marketing, pensando no cenário competitivo da saúde, e nas demandas de clientes cada vez mais exigentes.

“As clínicas médicas parecem possuir habilidade reduzida em obter informações dos clientes. Essas informações poderiam fortalecer não apenas a relação clínica-cliente, mas também contribuir na relação médico-paciente.”

O e-mail marketing para médicos é uma excelente estratégia para quem busca fidelizar pacientes de uma maneira humanizada, sem infringir nenhuma norma do CFM

Continue a leitura e descubra como ter esse diferencial no seu consultório.

O que é e-mail marketing para médicos?

O e-mail marketing é uma das estratégias pilares do Marketing Digital. Ele é baseado na comunicação entre uma empresa e seus clientes, ou potenciais clientes, por meio do e-mail.

Essa comunicação costuma ser automatizada. Com a ajuda de uma ferramenta de e-mail marketing para médicos, você pode enviar campanhas e fluxos de mensagens automáticas para seus pacientes.

As campanhas, também conhecidas como malas-diretas, são enviadas uma única vez para os pacientes, como no caso de avisos gerais, felicitações em datas comemorativas, aniversários, entre outros.

O fluxo de mensagens, ou sequência automática de e-mails, são mensagens enviadas periodicamente para os pacientes, nos dias e horários que você desejar.

Você pode programar uma fluxo com conteúdos educativos sobre prevenção do câncer de mama durante todas as semanas de outubro, por exemplo.

Pense na sua rotina comum de um médico empreendedor: entre cuidar de pacientes e administrar o consultório, quantas horas sobram para entrar em contato com os pacientes sem retorno marcado?

A resposta mais provável é: nenhuma. 

É impossível manter contato com todos os pacientes que já passaram pelo seu consultório, se você não conta com um marketing de relacionamento bem estruturado, como é o caso do e-mail marketing.

De acordo com o E-mail Statistics Report 2016-2020 do Radicati Group, o número de usuários de e-mail será de 3 bilhões até o final de 2020, cerca de metade da população mundial.

Apesar dessa estratégia ser comum no mercado, muitos médicos ainda não aderiram sua prática. 

Isso significa que se você começar a implementá-la agora, sua vantagem competitiva em relação aos concorrentes será enorme.

Em um mercado tão concorrido quanto a Medicina, a oportunidade de conquistar mais um diferencial não pode ser desperdiçada facilmente. 

Veja a seguir 5 vantagens que o e-mail marketing na saúde proporciona para seu serviço, e baixe nosso eBook para aprofundar seu conhecimento no assunto.

eBook gratuito: Emails Marketing na sua clínica: como elaborar a estratégia? Clique aqui e baixe agora!

5 benefícios que comprovam o potencial do e-mail marketing para médicos na fidelização de pacientes

Ainda tem dúvidas sobre o e-mail marketing? Isso é comum entre os profissionais de saúde. 

Afinal, matérias como marketing médico, gestão e tecnologia, não são abordadas durante o curso de Medicina e esse conhecimento precisa ser adquirido posteriormente. 

Porém, se você buscar especialização nessas áreas, como a Dra. Luciana Michel, verá que essa estratégia, assim como muitas outras do marketing digital, é essencial na fidelização de pacientes.

Confira uma parte do depoimento da Dra. Luciana no nosso caso de sucesso:

“Antes de fazer o curso de gestão, pensava que marketing era apenas para captar novos clientes. Na verdade, aprendi que existe uma pirâmide de captação, e atrair novos pacientes é muito mais difícil do que fidelizar aqueles que já te escolheram.”

Para te ajudar, separei 5 evidências que mostram o potencial do e-mail marketing para médicos. 

Aproveite o conteúdo!

1. O e-mail é um canal com pouca concorrência na área médica

Quantos pacientes recebem mensagens dos médicos logo após a consulta? Será que esse cuidado é valorizado por eles?

A verdade é que a maior parte dos pacientes possui dificuldade em manter contato com seus médicos

O processo de agendar uma consulta é demorado, e eles raramente se sentem confortáveis em enviar mensagens, porque sabem da correria da rotina de um consultório.

Ou seja, muitos não estão acostumados a receberem um contato no pós-consulta, seja para agradecer pela escolha, ou para coletar feedbacks sobre o atendimento. 

Com o e-mail marketing, você consegue enviar mensagens automáticas após o término das consultas, e garantir que seus pacientes sempre se sintam cuidados. 

Além disso, o e-mail não é um canal que recebe novos conteúdos a todo segundo, como no caso das redes sociais. 

As chances dos pacientes lerem suas mensagens é muito maior do que uma publicação não patrocinada no Facebook, por exemplo, que distribui cada vez menos publicações orgânicas (sem patrocínio). 

Para entender mais como o e-mail marketing para médicos funciona na prática, assista gratuitamente nossa websérie:

Websérie gratuita: Como usar o e-mail marketing na sua clínica!

2. Você irá enviar conteúdos para os pacientes interessados em recebê-los

Uma das boas práticas do e-mail marketing é sempre pedir pelo consentimento das pessoas antes de enviar qualquer comunicação, e isso não é diferente na área da saúde. 

Ao realizar o cadastro dos pacientes no seu software médico, pergunte se eles desejam receber conteúdos educativos, ou peça para suas recepcionistas realizarem esse processo. 

Assim, você assegura que apenas os pacientes interessados irão receber suas mensagens, e ainda garante uma boa taxa de abertura, uma métrica essencial no e-mail marketing.

Um ótimo diferencial para qualquer paciente interessado em cuidar da sua saúde, não concorda?

3. O e-mail marketing permite uma excelente segmentação de pacientes

Já pensou em enviar conteúdos personalizados para cada perfil de paciente que você atende no consultório?

Imagine que seu público-alvo seja homens e mulheres de 20 a 40 anos, que desejam trabalhar na prevenção da saúde, e estão preocupados com aspectos como: nível de colesterol, diabetes e hipertensão.

Cada paciente vai apresentar diferentes tendências de acordo com seu histórico alimentar e hábitos. 

Para falar de forma personalizada, você pode escrever uma série de conteúdos focados em prevenção de diabetes, outros em hipertensão, e assim por diante.

Se você contar com a ajuda de uma ferramenta de e-mail marketing, basta selecionar os pacientes que apresentam a característica “diabetes” no prontuário, e eles estarão no fluxo de e-mails sobre diabetes.

Quer entender melhor como essa segmentação funciona? Assista ao vídeo abaixo e tire suas dúvidas:

Veja como essa praticidade na comunicação com os pacientes auxiliou o Dr. Keny Chung no seu instituto:

“Ao invés de enviar mensagem pra todo mundo, enviamos por e-mail. Atendemos cerca de 60 a 70 pacientes por dia, é um volume muito grande, imagina eu enviando mensagem pra todo mundo manualmente. É uma forma de facilitar essa comunicação com os pacientes.”

4. É possível enviar lembretes de consulta

Quer reduzir em até 30% as faltas no seu consultório?

A prática de enviar lembretes de consulta por canais como e-mail, WhatsApp e SMS podem diminuir drasticamente a taxa de absenteísmo dos seus pacientes.

No e-mail marketing para médicos, você pode enviar lembretes a cada mês, semana, ou dias, e eles param automaticamente quando um paciente agenda um retorno. 

Assim, você e suas recepcionistas podem focar em atividades mais produtivas, como o gerenciamento do consultório, ao invés de se preocuparem em lembrar os pacientes dos agendamentos.

5. Seus pacientes podem receber orientações e conteúdos educativos

As possibilidades no e-mail marketing são infinitas. Você pode enviar mensagens como:

  • Orientações de pré e pós-operatório;
  • Conteúdos educativos sobre os procedimentos realizados no consultório;
  • E-mails de datas comemorativas como Natal, Dia da Mulher, Dia dos Pais, entre outros;
  • Avisos gerais como o lembrete do seu período de férias;
  • Pesquisas de satisfação;
  • Newsletter (boletim informativo) dos principais artigos lançados no seu blog.

Ao enviar conteúdos relevantes e úteis para seus pacientes, além de ajudá-los e estender seu atendimento para além da consulta, você também pode aumentar sua renda financeira. 

Afinal, ao educar seus pacientes sobre a importância da prevenção da saúde, eles irão se sentir mais engajados em marcar consultas sempre que necessário.

Baixe nosso eBook gratuito e veja como uma ferramenta de e-mail marketing para médicos consegue te ajudar no seu marketing de relacionamento:

eBook gratuito: iClinic Marketing: saiba como utilizar da melhor forma a plataforma de e-mail marketing da iClinic. Clique e baixe gratuitamente!

Passo a passo para escolher uma ferramenta de e-mail marketing para médicos

Existem diversas opções de ferramentas de e-mail marketing no mercado, porém, poucas são personalizadas para a área da saúde. 

O mailchimp é uma das plataformas mais famosas, porém, ela não possui uma versão brasileira. Mas você ainda pode utilizá-la e criar conteúdos em português.

O iClinic Marketing, plataforma de e-mail marketing exclusiva para profissionais de saúde, é totalmente integrada com o software médico da empresa e possui e-mails pré-programados personalizados. 

Os e-mails pré-programados já têm conteúdos para pacientes, como mensagens automáticas de lembretes de consulta, campanhas de avisos gerais, entre outros.

Ao ter uma conta no iClinic, não é necessário subir uma lista de contatos para enviar e-mails. Você conta com a integração de dados e pode segmentar pacientes por meio de dados do prontuário

Antes de tomar qualquer decisão, é importante realizar os seguintes questionamentos:

  • A plataforma de e-mail marketing está de acordo com a LGPD, e segue as exigências de segurança da saúde?
  • O sistema é completo e fácil de usar
  • Posso personalizar minhas mensagens e programá-las da melhor maneira para a minha rotina?
  • É possível acompanhar métricas como aberturas, cliques e tempo de leitura?
  • É fácil de adquirir, possui um bom suporte e também não dificulta o cancelamento caso eu não queira continuar?

Além disso, é essencial poder testar a plataforma para verificar se ela realmente cumpre o que promete. Caso você esteja em dúvida entre dois sistemas, faça uma lista com vantagens e desvantagens de cada um.

Essa simples organização torna sua escolha mais racional, pois você irá escolher a opção que satisfaz suas necessidades, e te ajuda a fidelizar pacientes.

Viu como o e-mail marketing para médicos é essencial para os profissionais que desejam satisfazer seus pacientes e inovar seus atendimentos?

Compartilhe sua opinião sobre essa estratégia aqui embaixo nos comentários, e não se esqueça de ler os materiais complementares citados ao longo do artigo. 😉


Sobre o autor

Yasmim Mayumi

Especialista em Marketing de Conteúdo e estudante de Letras na Barão de Mauá em Ribeirão Preto.