Coworking médico: 7 dicas para acertar na escolha

Coworking médico: 7 dicas para acertar na escolha

Leia em 4 min.

Está à procura de um coworking médico que atenda às suas necessidades? Confira o que você não pode deixar de lado na hora de escolher um.

Saber escolher coworking médico é fundamental para atrair mais pacientes, tendo em vista que esse modelo corporativo tem revolucionado a maneira como os profissionais gerenciam a sua clínica. Sendo assim, investir nessa ideia pode ser a oportunidade que você estava procurando para se destacar no mercado com mais rapidez e eficiência.

O coworking oferece diversas vantagens, como economia nos custos, flexibilidade no agendamento de consultas, boa infraestrutura e o acesso a imóveis de alto padrão. Esses são benefícios que você até conseguiria obter sozinho, mas depois de alguns anos de trabalho, certo?

Levando tudo isso em consideração, você já deve estar pensando em como escolher um coworking médico. Neste artigo, vamos apresentar alguns passos muito importantes para não errar na escolha. Veja só!

1. Espaço que proporcione networking

Networking nada mais é que trabalhar sua rede de contatos. Esse tipo de relacionamento ajuda o profissional a obter conhecimentos relevantes para a sua área, a fim de aumentar a sua visibilidade e, consequentemente, se tornar referência no seu segmento. Sendo assim, é fundamental que, ao escolher seu coworking médico, o espaço proporcione um bom networking.

Aumentar a sua rede de contatos pode oferecer diversas oportunidades de crescimento na sua carreira, portanto, investir nessa estratégia é muito importante para crescer profissionalmente e, inclusive, para ajudar outros profissionais que não têm tanto conhecimento quanto você.

O networking é uma relação de “ganha-ganha”. Assim como você oferece algo de valor a outros profissionais, eles também oferecem algo de grande valia para você.

2. Boa infraestrutura

Quem trabalha na área da saúde sabe o quanto uma boa infraestrutura pode ajudar na rotina de atendimento e diagnósticos, inclusive, fazendo toda a diferença na hora de atrair um paciente para o seu consultório. Sendo assim, analise se o coworking médico tem a infraestrutura de que você precisa paraoferecer um atendimento de qualidade aos seus pacientes.

Ter um design inovador nem sempre pode ser considerado um fator indispensável dentro de um consultório. Muitas vezes, o conforto e bons equipamentos são o suficiente para oferecer a melhor experiência aos seus pacientes.

Além disso, leve em consideração também a limpeza do local. Lembre-se de que estamos falando do bem-estar e qualidade de vida das pessoas e, por esse motivo, é uma questão que merece atenção especial.

corworking-medico-exemplo

3. Ter acesso à tecnologia

Um diferencial importante para o coworking médico é o acesso à tecnologia. Hoje em dia, você bem sabe o quanto ela auxilia no armazenamento do histórico do paciente em um só lugar, no diagnóstico preciso,  e também na recuperação mais rápida dos pacientes, certo? Sendo assim, é importante que o ambiente tenha espaço para que você possa utilizar equipamentos tecnológicos.

Esse é um fator que vai ajudá-lo a atrair mais a atenção de seus pacientes e, consequentemente, se destacar da concorrência. No entanto, vale destacar a necessidade de verificar se os equipamentos são de qualidade e se realmente vão auxiliá-lo na sua rotina.

Também analise se o local oferece um bom serviço de WiFi. Assim, você terá mais facilidade para trabalhar online e realizar videochamadas, se for necessário.

Quer conhecer um Caso de Sucesso de um espaço de coworking?Leia mais sobre a Livance.

4. Localização de fácil acesso

Ao escolher um coworking médico, você precisa verificar se a localização do espaço é de fácil acesso. Essa questão não diz respeito apenas à sua comodidade, mas, principalmente, dos seus pacientes. Isto é, eles não podem ter dificuldades para encontrar o espaço. Portanto, ele precisa ser bem localizado.

Lembre-se de que muitos pacientes vão procurá-lo devido a algum tipo de urgência e, por esse motivo, encontrar o seu consultório precisa ser algo fácil de fazer. Dessa maneira, leve em consideração se é possível chegar facilmente ao coworking por meio de transporte público, por exemplo. Assim, o paciente não terá dificuldade de chegar até você.

Atente-se também à estrutura de acesso para deficientes, já que é um ponto importante e essencial para uma clínica.

5. Características do local

Embora o conforto e fácil acesso sejam prioridades, outras características do ambiente também precisam ser levadas em consideração na hora de escolher um coworking médico. As opções de assentos, por exemplo, precisam atender a diferentes necessidades e preferências.

Analise a sua preferência por trabalhar com mesas comunitárias ou individuais e, então, observe se o local oferece essas opções. Todas essas questões podem não fazer muita diferença agora, mas, no decorrer dos dias, elas podem incomodá-lo bastante.

6. Ofertas de eventos

No ramo da saúde, a busca pelo conhecimento precisa ser constante, não é mesmo? Por esse motivo, é de suma importância verificar se o coworking médico oferece oportunidades para você aprimorar os seus estudos. Ou seja, é interessante optar por aquele que oferece workshops, hackathons, apresentações, eventos de networking e, inclusive, happy hours.

Confira todas as ofertas de eventos disponíveis e analise quais se encaixam melhor nas suas necessidades profissionais. Lembre-se de que você não precisa participar de todos os eventos, mas precisa ser capaz de verificar se o que é oferecido realmente fará diferença no bom desenvolvimento da sua carreira.

7. Salas de reunião

A sala de reunião é um fator muito importante na hora de escolher um coworking médico. Isso porque existem situações em que é preciso ter uma conversa mais privada com o paciente, especialmente, nos casos de diagnósticos que não vão deixá-lo muito contente.

Além disso, com a evolução da tecnologia, o profissional tem à sua disposição a telemedicina, ou seja, quando ele pode oferecer atendimento aos seus pacientes a distância. Nesse momento, ele precisa da sala de reunião para se livrar dos ruídos externos e conseguir executar o processo.

Saber escolher coworking médico é fundamental para que a sua rotina seja mais produtiva e também confortável, livre de estresse e de descontentamento. O dia a dia de um profissional de saúde é muito agitado e, por isso, o espaço em que ele trabalha precisa ser o mais tranquilo possível. Isto é, além de conforto, o coworking precisa transmitir uma sensação acolhedora e humana.

Para entender como é possível tornar a sua rotina ainda mais produtiva, acesse nosso artigo para saber por que é importante realizar a integração dos dados da sua clínica. Boa leitura!

Postagens relacionadas


Sobre o autor

Milene Polo

Líder de Inbound Marketing na iClinic, com foco em SEO e jornada do cliente. Formada em Nutrição na USP, com Pós Graduação em Administração de Empresas FGV.