Como construir autoridade online para sua clínica?

Como construir autoridade online para sua clínica?

Leia em 5 min.

Quer ser um especialista além do diploma e da atuação no seu consultório. Aprenda como construir a imagem perfeita na web e torne-se uma verdadeira autoridade no assunto!

O marketing médico é um investimento extremamente importante para que o profissional possa se destacar e se diferenciar da concorrência, aumentando a atração e fidelização dos seus pacientes

Ao utilizar os mecanismos da internet para isso, você constrói sua autoridade online para sua clínica.

A autoridade online é, basicamente, a percepção que os usuários têm sobre o seu trabalho na web. Na área da saúde você pode se consolidar, por exemplo com a publicação de artigos informativos à respeito da sua especialidade.

As atividades relacionadas ao marketing médico são regulamentadas pelo Conselho Federal de Medicina. Por isso, não é preciso ter medo de investir em uma estratégia: basta seguir as orientações, e com certeza você terá excelentes resultados. 

Pensando em te ajudar nessa jornada, elaboramos um conteúdo com os 4 passos principais que você precisa seguir para obter essa autoridade e ainda mais sucesso para o seu consultório. Continue a leitura e descubra! 

Por que construir uma autoridade online?

Atualmente, existem inúmeras conteúdos tanto nas redes sociais, bem como no principal mecanismo de busca, o Google. Seus pacientes estão constantemente buscando informações, e selecionando profissionais que sejam especialistas no assunto. 

Além disso, a área médica tem se tornado cada vez mais concorrida. Segundo, a demografia médica 2018 produzida pelo CFM, a população médica aumentou em 665,8%, o que representa uma taxa maior que o crescimento da população geral do país, que foi de 119,7%.

De acordo com esse cenário, como você pode se destacar, obter ainda mais sucesso e se tornar referência na sua especialidade médica? Continue a leitura e descubra!

1. Procure se destacar no meio da multidão

Centenas de pessoas já descobriram que construir uma autoridade online é extremamente benéfico para a sua imagem como profissional. Não seria diferente na área da saúde. 

Hoje, as especialidades médicas também estão concorridíssimas e a fidelização de pacientes pode ser um verdadeiro desafio.

Além disso, nem sempre quem fala sobre os assuntos relacionados a saúde são realmente especialistas na área. Um grande exemplo é a nova onda de mamães famosas, que utilizam seus perfis nas redes sociais para compartilhar dicas de gestação, parto e sobre a saúde dos bebês.

Competir com essas pessoas não é fácil. Ainda que o seu conteúdo tenha embasamento totalmente profissional, você pode ficar esquecido se não buscar uma forma de destaque na web

Por isso, escolha os canais ideais para encontrar seu público-alvo, publique conteúdos de qualidade e invista em visibilidade nessas redes.

Hoje, plataformas como Facebook e Instagram permitem que você invista um valor para que as suas comunicações apareçam para as pessoas que você deseja atingir. O investimento com certeza vale a pena.

2. Invista em marketing de conteúdo

Se você realmente quer se tornar uma autoridade online, influenciar o comportamento dos indivíduos, captar mais pacientes e se tornar um médico que as pessoas respeitem, a ponto de compartilhar as dicas na internet, é necessário fornecer o material adequado e com qualidade para isso.

O Google é um site de busca extremamente inteligente, e reconhece a popularidade do seu site. Com isso, é capaz de levar o seu nome ao topo das buscas

Por exemplo, se você é Pediatra em São Paulo, o nome da sua clínica pode aparecer entre os primeiros resultados da página. Para isso, é necessário investir em marketing de conteúdo.

Em síntese, essa área do marketing está relacionada com a publicação de artigos relevantes em informação. A estrutura deve respeitar as chamadas técnicas de SEO, uma série de boas práticas de redação, que contribuem para que o Google reconheça o material como legítimo e importante para as pessoas que realizam as buscas.

O primeiro passo, então, é criar um site ou um blog e alimentá-lo com essas informações para que, assim, sua autoridade possa ser comprovada.

Quer criar um blog mas tem dúvidas de como realizá-lo? Confira aqui os 7 passos para você criar o blog para o seu consultório agora mesmo.  

3. Reconheça o que o seu público precisa

Como médico, você deve saber bem as dúvidas mais frequentes dos seus pacientes. Vamos continuar utilizando o exemplo das mães famosas e dos pediatras: hoje, um assunto que está bastante em alta é a polêmica sobre consultoria do sono.

Um conteúdo atualizado e diferenciado sobre o assunto certamente vai chamar a atenção desse público. No entanto, é preciso que a publicação seja direcionada a essas pessoas. Isso significa que, possivelmente, uma tese de 400 páginas não vai despertar o interesse das mães.

As informações devem estar sintetizadas e em uma linguagem que essas pessoas vão compreender. O texto que você publica no blog pode ser compartilhado em sua página no Facebook e ainda se transformar em uma série de vídeos nos stories do Instagram.

Um dos recursos do Instagram permite também que você insira um espaço para que os usuários façam perguntas. A estratégia, então, pode começar com um pequeno post sobre o assunto.

Depois, o espaço para os questionamentos é disponibilizado nos stories, que podem ser respondidos por vídeos ou por meio do IGTV – ferramenta do Instagram que simula um canal de televisão, em que você mesmo transmite seu próprio programa. E nada impede que, após tudo isso, você divulgue um link para a sua tese de 400 páginas. 

Mas antes de elaborar a sua estratégias nas redes sociais, lembre-se de identificar em quais canais o seu público está presente e estruturar uma boa comunicação!

marketing-conteudo-clinica

4. Seja um médico acessível

As redes sociais aproximam as pessoas. Afinal, o principal objetivo delas sempre foi atuar como uma plataforma de relacionamentos

Por isso, se você criar uma página no Facebook, não se espante se receber diversas mensagens com dúvidas, pedidos de consultas e solicitações do número de telefone.

Felizmente, já é possível contar com mensagens automáticas para essas respostas, direcionando essas pessoas ao WhatsApp da clínica. A secretária do consultório pode direcionar as dúvidas para o agendamento de uma consulta. 

Além disso, o agendamento online também pode ser implementado. A tecnologia permite que a sua agenda seja disponibilizada na web e os próprios pacientes marcam seus horários.

O importante é ser um médico acessível, capaz de manter contato com os leitores, mas sem atrapalhar a rotina ou transformar esse relacionamento em algo mecânico. Inclusive, neste mesmo material, foi abordada uma ótima dica para isso: o recurso dos questionamentos, que pode ser usado no Instagram. Dessa forma, você garante um atendimento mais humanizado e isso contribui para melhorar a sua imagem na web.

Agora que você já recebeu valiosas dicas para construir a sua autoridade online por meio do marketing médico, ao aplicar as ações, não se esqueça de mensurar os resultados! Cada ferramenta escolhida permite que você avalie os impactos das suas postagens.

Uma ótima opção para ter acesso a esses relatórios é contar com o auxílio de uma agência especializada no ramo da saúde que, além de ajudar a interpretar esses resultados, também pode sugerir melhorias para otimizar o retorno. 🙂

Como sabemos que toda ajuda é bem-vinda, temos um eBook perfeito para você! Acesse agora mesmo o nosso guia prático sobre marketing digital para médicos e saiba mais sobre as técnicas de SEO, criação de conteúdos e como fazer uma comunicação que atraia o público-alvo certo para a sua clínica.

Guia sobre marketing digital para médicos

Gostou do conteúdo? Conte pra gente o que achou e como você tem se posicionado de forma online e não se esqueça de compartilhar o conteúdo com seus amigos!


Sobre o autor

Milene Polo

Líder de Inbound Marketing na iClinic, com foco em SEO e jornada do cliente. Formada em Nutrição na USP, com Pós Graduação em Administração de Empresas FGV.