Devo utilizar um sistema médico gratuito?

Quais as desvantagens de utilizar um sistema médico gratuito?

Leia em 6 min.

Um sistema médico gratuito garante algum tipo de segurança? Ele consegue otimizar processos e aumentar sua produtividade? Veja aqui tudo o que você precisa saber sobre esse tipo de sistema.

Você considera utilizar um sistema médico gratuito para evitar mais um gasto no final do mês?

Antes de você optar por essa escolha, é importante entender todas as características dessa ferramenta, pois ela pode trazer mais riscos para o seu consultório quando comparado às vantagens.

Além disso, se você procura ter um consultório de destaque na sua especialidade médica, escolher um sistema gratuito pode arruinar sua imagem e prejudicar sua credibilidade.

Pensando nisso, criamos esse conteúdo com as principais desvantagens que um software médico gratuito pode trazer para o seu consultório. Boa leitura! 

Principais desvantagens de um sistema médico gratuito

Quando falamos sobre a nossa saúde, somos muito exigentes, afinal, é um investimento muito importante que realizamos, impactando na qualidade da nossa vida.

E isso não deveria ser diferente também para os médicos que procuram ferramentas que facilitam o dia a dia nos consultórios, bem como garantem  um diferencial maior em relação aos seus concorrentes.

Continue a leitura e descubra as desvantagens de um sistema médico gratuito.

1. Insegurança quanto aos dados médicos 

Como um sistema gratuito garante a segurança dos seus dados?

A verdade é que normalmente não há nenhuma garantia que o sistema possui algum tipo de segurança.

Além de sempre ter a chance do sistema simplesmente parar de funcionar, e  você acabar perdendo todas as informações da sua agenda ou prontuário eletrônico, há um risco muito maior escondido na vantagem de não pagar nada pelo seu uso.

Faça o seguinte questionamento: se o sistema é gratuito, de que forma a empresa lucra para mantê-lo funcionando?

Você não tem garantia de que os seus dados estejam sendo acessados por terceiros ou sendo até mesmo vendidos como forma de obtenção de lucros. Será que vale a pena arriscar a segurança dos seus pacientes?

Utilizar um sistema de qualidade significa confiar que ele garante uma segurança de excelência, usando por exemplo a AWS, o banco de dados mais seguro do mundo, utilizado inclusive pela NASA e Casa Branca. 

Sistemas pagos e na nuvem normalmente são desenvolvidos por profissionais especializados em segurança médica

Caso algo aconteça com a própria plataforma, os backups (atualizações) diários certificam de que seus dados não serão completamente perdidos.

Mesmo que seu dispositivo eletrônico seja furtado ou sofra algum acidente, nada acontecerá com suas informações pois elas estarão seguras na nuvem, e não instaladas no dispositivo.

Por isso, na hora de escolher o sistema do seu consultório, certifique-se de que ele possui todas as medidas de segurança necessárias para que nem o seu negócio ou seus pacientes sejam prejudicados. 

Quer saber mais a tecnologia na nuvem funciona? Assista ao nosso vídeo explicativo: 

Escolher um sistema gratuito pode ser a pior das opções, pois seus riscos podem comprometer não apenas a imagem do seu negócio, mas a sua própria integridade

O preço de um bom sistema médico vale a pena, porque seu investimento reduz custos, otimiza processos, e entrega a segurança que um sistema gratuito nunca iria garantir, melhorando ainda mais o seu relacionamento com seus pacientes.

2. Falta de fidelização dos pacientes

O sucesso de um consultório está diretamente ligado a um bom relacionamento com seus pacientes. Afinal, o volume de consultas é a principal fonte de renda dos consultórios médicos.

Pensando nisso, um sistema gratuito dificilmente vai oferecer estratégias de comunicação que mantenham seus pacientes em contato com sua clínica, o que difere completamente de um sistema na nuvem eficiente. 

Ao contratar um sistema médico na nuvem você pode ter acesso a diversas funcionalidades focadas no processo de fidelização, como por exemplo, o e-mail de aniversariante, que envia mensagens personalizadas de forma automática no dia do aniversário dos seus pacientes.

Outra funcionalidade importante que um software na nuvem e pago oferece é o serviço de confirmação de consultas por SMS e e-mail, que além de reduzir as faltas dos seus pacientes, também é uma ótima estratégia de fidelização.

Afinal, como a maioria das pessoas tem uma imagem de que médicos estão sempre muito ocupados, seus pacientes provavelmente não esperam que você se lembre da data dos seus aniversários, ou que esteja preocupado se eles irão perder a consulta.

Mostrar que seu estabelecimento, assim como seu serviço médico, é modernizado e preocupado em entregar um atendimento humanizado e de excelência, é um ótimo diferencial que pode tornar seu consultório um verdadeiro destaque. 

Optar por um sistema médico precisa ser uma solução, uma facilidade que otimiza seu tempo e as tarefas da clínica. E não algo que vai te trazer dor de cabeça.

3. Sem possibilidade de personalização

Normalmente, os sistemas médicos de qualidade são desenvolvidos por especialistas que se preocupam em entregar a melhor solução possível para sua rotina médica.

Isso inclui um sistema personalizado para sua própria especialidade, ou a garantia de que documentos importantes como o prontuário sejam 100% personalizáveis.

No entanto, com um sistema médico gratuito, a chance dos desenvolvedores criarem algo personalizado de acordo com a sua especialidade médica é praticamente nula, ou seja, o seu prontuário será igual a todos os demais usuários e pouco eficiente. 

Além disso, otimizações e novas funcionalidades não são desenvolvidas com tanta frequência. 

Dessa forma, você pode ficar estagnado, e algo que deveria otimizar a sua rotina, pode atrapalhar ainda mais

Talvez você precisará utilizar mais ferramentas para realizar uma atividade e as informações não estarão centralizadas em um único lugar.  

Ter um sistema que permite uma personalização é fundamental, pois assim você garante que seus processos serão otimizados, tornando seu tempo ainda mais produtivo

No iClinic, o sistema é configurado para se adequar melhor a cada especialidade médica. 

Os oftalmologistas, por exemplo, possuem um status de agendamento exclusivo chamado “dilatando a pupila”, para mostrar que o paciente está se preparando para ser atendido.

Um prontuário seguro, fácil de personalizar conforme sua especialidade e que você consiga acompanhar todo o histórico médico do paciente sem precisar procurar fichas, é o que diferencia um sistema feito para ajudar seu consultório a crescer

Quer saber como escolher o sistema médico ideal para o seu consultório? Baixe agora nossa checklist gratuita e acerte na escolha:

Cadastre-se na Newsletter do iClinic

4. Diversas complicações

Será que um sistema gratuito realmente ajuda, ou traz mais problemas para sua rotina?

Além dos pontos que já trouxemos como a falta de comprometimento com o seu negócio e a falta de segurança que ele oferece, proporcionando uma elevada preocupação, há muitos outros riscos que precisam ser levados em conta.

Diferente de quando você opta por investir em um sistema na nuvem, quecentraliza todos os seus dados de forma eficiente e ainda fornece uma acessibilidade incrível, um sistema gratuito falha em integrar suas informações.

Isso significa que se a sua recepcionista cadastra uma consulta na agenda digital, você ainda vai depender que ela te avise, pois provavelmente suas agendas não irão possuir nenhum tipo de integração.

Ou seja, todas as horas a mais que você ficava no consultório apenas para coletar e organizar dados, continuarão sendo gastas da mesma forma, talvez até mais tempo do que antes.

Se o seu objetivo é obter uma gestão de excelência para o seu consultório, contar com um sistema que forneça relatórios e gráficos automáticos sobre as finanças do seu negócio, por exemplo, é essencial.

E você provavelmente nunca irá conseguir essa excelência em um sistema gratuito que nem sequer tem uma equipe de suporte.

Além disso, com a tecnologia em nuvem, todas as melhorias e atualizações do sistema são feitas remotamente. 

Assim, você estará sempre com o melhor desempenho do sistema sem que ele precise “sair do ar”, ou que você precise baixar inúmeras atualizações que sobrecarregam seu computador.

5. Ausência de um suporte técnico

Imagine que o sistema médico gratuito que você utiliza parou de funcionar, ou está apresentando algum tipo de erro.

Você acha que irá conseguir um suporte rápido e eficiente para te ajudar a solucionar esse problema? Provavelmente o sistema nem possui uma equipe de suporte justamente por ser gratuito.

Afinal, não é atoa que o ditado “o barato custa caro” é tão conhecido. Contar com um sistema que pode te deixar na mão a qualquer momento, sem oferecer nenhum tipo de auxílio, atrapalha mais do que de fato ajuda. 

Ao pagar por um software médico de excelência, você pode contar com um suporte dedicado, que te atende por meio de vários canais de comunicação, como chat através do sistema, telefone ou e-mail. 

Além disso, uma empresa que realmente se importa em te entregar uma boa experiência possui uma equipe de especialistas do sistema para solucionar suas principais dúvidas.

No iClinic, por exemplo, você pode contatar a equipe de suporte através do chat do sistema e ser respondido em até três minutos

Ficou interessado em obter um sistema médico de qualidade? Baixe nossa planilha gratuita, compare as opções e faça a melhor escolha:

Planilha de Comparação de Softwares Médicos

Entendeu os riscos que um sistema médico gratuito pode trazer ao seu consultório? Conte pra gente aqui embaixo nos comentários, reaja e não se esqueça de compartilhar o conteúdo com seus amigos!


Sobre o autor

Yasmim Mayumi

Especialista em Marketing de Conteúdo e estudante de Letras na Barão de Mauá em Ribeirão Preto.