Aprenda a fazer um bom planejamento estratégico para clínica médica

Aprenda a fazer um bom planejamento estratégico para clínica médica

Leia em 3 min.

Sabe aquele sonho de fazer a diferença? Investir em um negócio para ajudar, curar e proporcionar uma boa qualidade de vida às pessoas? Se você decidiu abrir uma clínica, é muito importante que os objetivos estejam bem traçados para que sejam alcançados como desejado. Nesse sentido, o planejamento estratégico pode ajudar você.

Ser médico e dono de um negócio ao mesmo tempo pode ser algo complexo. É preciso entender de saúde e também de assuntos administrativos, pois, ainda que o objetivo principal seja oferecer uma boa qualidade de vida aos pacientes, a clínica precisa de uma gestão direcionada para o caminho do sucesso.

O planejamento estratégico para clínica médica é a ferramenta que ajudará a criar oportunidades e mitigar riscos, fazendo com que o negócio prospere, e você possa oferecer a melhor qualidade de atendimento aos seus pacientes.

Um planejamento estratégico tem como objetivo criar estratégias a serem seguidas para que as metas sejam alcançadas e também levantar as ações necessárias a fim de que o desempenho da clínica esteja de acordo com o planejado.

Quer descobrir como fazer um bom planejamento? Continue lendo e conheça algumas das principais orientações para aumentar o potencial da sua clínica!

Defina posicionamento e diretrizes

O planejamento começa no ponto final, traçando as metas, o posicionamento, as diretrizes e o nicho de mercado que guiarão a empresa para onde ela quer chegar. Geralmente, os objetivos são definidos de forma anual, assim, a pergunta é: aonde você quer chegar? Quais resultados deseja alcançar? Assim, o plano de ação fica mais realista, e os objetivos mais fáceis de serem alcançados.

Analise pontos fortes e fracos

Após definir o que deseja alcançar, é importante analisar os pontos internos e externos que mostram como a empresa está hoje. Primeiramente, os pontos fortes devem ser levantados, por exemplo, entender quais são as vantagens da sua clínica perante as outras que atendem o mesmo nicho de pacientes.

Depois disso, a pergunta é reversa: o que seus concorrentes têm a mais em comparação com a sua clínica? Dessa maneira, seu negócio terá um mapeamento de onde se encontra atualmente no mercado. A partir daí, torna-se mais viável trilhar os caminhos para que se consiga chegar nas diretrizes definidas anteriormente.!

planejamento-estrategico

Crie uma identidade organizacional

Essa etapa trata-se de entender como você deseja que o mercado veja seu negócio. Para isso, existem três pontos a serem determinados:

  • a missão da sua clínica, ou o propósito maior do negócio;
  • a visão, na qual se definirá o objetivo maior da clínica existir;
  • os valores, que guiarão as ações de todos à medida que os objetivos forem sendo alcançados — um bom exemplo é que, ainda que tenha metas a cumprir, a clínica sempre trabalhará em prol do compromisso com o paciente.

Organize planos de ação

O último passo é criar um plano de ação, ou seja, listar como tudo o que foi planejado vai ser alcançado. Trata-se do “como fazer” e de identificar quem serão os responsáveis por atingir tais objetivos.

Para equipes maiores, o direcionamento das atividades e a composição dos objetivos pessoais é importante a fim de que a carga de trabalho não fique apenas no administrador da clínica.

É de extrema importância que, no plano de ação, esteja definido como alcançar os objetivos mercadológicos, os que falam de crescimento, atração de pacientes, entre outros. Para tanto, devem constar ações de marketing, o budget disponível, quanto se quer investir e o desenvolvimento de um bom plano estratégico para o período. É fundamental que esse tema esteja dentro do planejamento, pois o marketing é o responsável pelo aumento da sua carteira de pacientes.

Incluir tópicos de gestão na sua clínica é fundamental para o crescimento. Assim sendo, o planejamento estratégico para clínica médica faz com que o desenvolvimento do negócio aconteça sem surpresas e com riscos previstos e planos de ação consistentes, a fim de que tudo seja feito de forma ordenada, prática e de acordo com o nível de qualidade que você quer oferecer aos seus pacientes.

Quer aprender um pouco mais sobre estratégia? Então, aproveite que está por aqui e conheça 5 modelos de negócio que podem ser aplicados em clínicas médicas!:)


Sobre o autor

Milene Polo

Líder de Inbound Marketing na iClinic, com foco em SEO e jornada do cliente. Formada em Nutrição na USP, com Pós Graduação em Administração de Empresas FGV.