programa para clinica

A tecnologia de segurança e privacidade em um sistema médico

A descoberta dos raios X, em 1896, e a decifração do genoma humano, no ano 2000, estão entre as tantas conquistas da tecnologia que beneficiaram a medicina.

Estas conquistas são estudadas nas fileiras acadêmicas por novos médicos, que iniciam sua atuação no campo da saúde supostamente já familiarizados com as diversas alternativas de suporte tecnológicoaplicativos médicos, monitoramento remoto do paciente, tomografia computadorizada, cirurgia robótica, entre outros.

O desenvolvimento da internet também influiu na própria relação do paciente com o seu médico. O médico deixou de ter o monopólio da informação.

O paciente que encontra informações na internet, mesmo quando superficiais ou básicas, consegue ter algum respaldo para dialogar e argumentar com o médico – podendo até mesmo questionar ou deixar em apuros aquele profissional que não estiver bem preparado.

Aplicativos e sistema médico para clínicas e consultórios médicos

Para que não fiquem desatualizados, os médicos cada vez mais utilizam aplicativos que permitem o aprimoramento de sua prática, além do acesso rápido à listagens de medicamentos e protocolos clínicos.

Estes softwares para gestão de consultórios e clínicas são desenvolvidos sob a óptica do médico para servir como uma ferramenta de apoio à gestão e prática clínica.

usp_ribeirao_preto

O iClinic, por exemplo, e um sistema médico desenvolvido por profissionais especializados em Informática Biomédica da Universidade de São Paulo (USP) que, ao observarem um sistema médico existente no mercado, perceberam que existia uma grande possibilidade de melhoria.

Caracterizado por ser um sistema SaaS (software como serviço), o iClinic conta com prontuário eletrônico, agenda de consultas, cadastro de pacientes, prescrição eletrônica e confirmação de consultas via e-mail e SMS.

Somente tecnologia não basta

Um estudo publicado em 2013 pela TechAmerica Foundation aponta preocupações com a privacidade do Big Data – um termo característico da Tecnologia da Informação (TI), usado para descrever o crescimento, disponibilidade e uso exponencial de informações estruturadas e não estruturadas.

De acordo com a pesquisa, para 47% dos funcionários federais de TI dos Estados Unidos, as questões de privacidade representam a maior dificuldade para se aproveitar os benefícios do Big Data.

Com o arquivamento eletrônico, a facilidade na consulta e transferência dos dados médicos de pacientes, aumenta também a expectativa quanto à responsabilidade e ética na hora de usar esses dados eletrônicos.

seguranda_sistema_medico

Por isso é importante que empresas de tecnologia para a área da saúde valorizam a privacidade dos dados coletados.

Levando a idoneidade profissional em consideração, a iClinic, produz sistemas médicos que trabalham com total sigilo das informações, para evitar brechas e vazamentos dos dados do paciente.

Mas não só na questão de sigilos reside os desafios dos novos profissionais da saúde: o médico e escritor Abraham Verghese critica a faceta da medicina na qual pacientes são meramente “casos clínicos”, que desconsidera o contato humano, o diálogo com o paciente, os exames físicos convencionais e o poder de observação dos médicos.

Os novos médicos encaram, portanto, um desafio maior do que o simples domínio das ferramentas tecnológicas que estarão disponíveis no mercado – eles também precisam ser campeões de ética e boa conduta profissional.

Conheça e experimente o iClinic

Veja também:

Casos de Sucesso ... Mar 28, 2017

Caso de Sucesso iClinic: Dr. Celso Bregalda Neves

Conteúdo Vip ... Dec 20, 2016

Todos os materiais educativos iClinic

Para Secretárias ... May 19, 2016

5 coisas que toda recepcionista de consultório precisa saber

Veja também:

Casos de Sucesso ... Mar 28, 2017

Caso de Sucesso iClinic: Dr. Celso Bregalda Neves

Conteúdo Vip ... Dec 20, 2016

Todos os materiais educativos iClinic

Para Secretárias ... May 19, 2016

5 coisas que toda recepcionista de consultório precisa saber

comments powered by Disqus