Somos especialistas em gestão de clínicas e consultórios!

Receba hoje mesmo dicas imperdíveis sobre Marketing, Gestão, Finanças e Tecnologia para alavancar seus resultados

Caso de Sucesso iClinic: Dr. Celso Bregalda Neves

Leia Mais

5 coisas que toda recepcionista de consultório precisa saber

Leia Mais
Ver mais artigos

Casos de Sucesso

Caso de Sucesso iClinic: Dr. Celso Bregalda Neves

Decidir pela contratação de um sistema de gestão para clínica pode parecer um desafio para sua clínica e muitas vezes alguns receios como "o que fazer com todas as informações que a clínica já possui armazenada em arquivo físico?" geram ins...

Decidir pela contratação de um sistema de gestão para clínica pode parecer um desafio para sua clínica e muita...

Decidir pela contratação de um sistema de gestão para clínica pode parecer um desafio para sua clínica e muitas vezes alguns receios como "o que fazer com todas as informações que a clínica já possui armazenada em arquivo físico?" geram insegurança na hora da contratação.

Sabemos disso! E para mostrar um exemplo real de como o iClinic conseguiu simplificar e otimizar a gestão de uma clínica de saúde convidamos o Dr. Celso Neves para ser nosso Caso de Sucesso e nos contar nesta entrevista como o iClinic é utilizado e todo o processo de transição do papel para um sistema de gestão online:  

Quais soluções buscava para sua clínica e como foi a escolha pelo iClinic?

Foi quando mudei de endereço, a gente ficava em outro consultório há 11 anos  e o prontuário era papel. Quando mudamos para esse novo, eu já tinha procurado antes na internet por prontuários eletrônicos.

Queria um que fosse compatível, porque uso Mac no computador.  Mas como é na nuvem, não precisei  instalar nada, isso me chamou muito atenção, por ser mais prático. Posso usar também quando estou no hospital.

Fiz a experiência de 14 dias e achei muito fácil de usar, principalmente, porque  dava para manipular bem do jeito que eu precisava o prontuário,  então quando comecei atender no novo endereço,  já comecei com o iClinic.

Antes,  você tinha algum receio com software de gestão?

Não. Na verdade, lá no antigo consultório que eu estava, uma colega comprou um outro sistema de gestão. Eu cheguei a dar uma olhada, mas achava muito complexo, sabe? Pouco funcional, muito pouco intuitivo e achei que ia dificultar. Tanto é que eu nem tentei, continuei fazendo no papel mesmo.

Quando viemos pra cá, eu tinha essa ideia, eu não aguentava mais fazer no papel. Era sempre aquela dificuldade, começou aumentar demais o volume e para arquivar também. A secretária tinha que ficar indo atrás e perdia muito tempo, foi quando comecei a procurar um sistema na  internet.

Como foi a transição do papel para um sistema de gestão?

Foi bem tranquilo, não tivemos problema nenhum: as informações dos pacientes novos a gente já vai colocando, eu editei um campo bem do jeito que eu precisava dentro da minha especialidade e com dados específicos.

Já os pacientes antigos eu faço como se fosse uma ficha resumida nesse prontuário e a ficha prévia eu escaneio e adiciono no programa. Então, não tivemos dificuldade nenhuma.

E eu vou fazendo aos poucos, até porque tem paciente que não volta mais ou que já operou e ficou bem e aí conforme vai voltando eu altero no dia que o paciente vem. A Sandra, minha secretária, me entrega a ficha antiga, eu anoto, escaneio e já arquivo.

Eu resolvi não arquivar tudo porque às vezes perde o sentido, tem que ser conforme vier de retorno e aos poucos, afinal são quase 15 anos!  

A secretária também pode ir escaneando, mas eu mesmo faço isso por que tenho o scanner aqui dentro do consultório, já coloco os dados que eu preciso no campo que eu editei e escaneio a ficha prévia, pronto.

Eu também já montei um método de fazer a evolução do jeito que eu quero, só vou atualizando, fica bem tranquilo mesmo.

Quando você percebeu o benefício do iClinic no seu dia a dia?

Caso de Sucesso

O fato de ter acesso no meu celular. Eu consigo ver prontuário, agenda... Essas coisas. É  bem completo pra mim, consigo acessar a parte de finanças que uso bastante, num instante você já vê quanto que ganhou no mês.

E o SMS também, fiz até aquele upgrade para o plano mais completo para ter o retorno de confirmação. Achei interessante e agilizou muito, a Sandra, minha recepcionista, perdia muito tempo ligando para confirmar consulta.

Principalmente naquela época que era de mudança, já incluir no SMS o endereço novo, entendeu? Assim o paciente já fica registrado, não precisava ficar falando ou pedindo para anotar o endereço.

O que mudou com o uso do iClinic?

Diminuiu o custo com papel e até de impressão. Fica tudo gravado e registrado, se eu precisar de cópia eu faço na hora. Tem a agenda também, fica aberta o tempo todo tanto pra ela quanto pra mim.

Antes não tinha esse controle, a Sandra me passava uma listinha impressa com os pacientes que eu tinha no dia. Agora, as vezes ligam pra cancelar, ela já cancela na hora e eu já vejo isso aqui instantaneamente.

E quanto ao suporte da iClinic?

Não tenho tanto problema para precisar usar o suporte. Acho que só uma vez no começo eu não estava conseguindo adicionar alguma coisa, mas foi imediato, já me responderam.

Possui alguma estratégia de Marketing para divulgação da clínica?

Não possuo assessoria para estratégias de Marketing, mas tenho  um site profissional com informações sobre meu currículo e nele tem os links para algumas aulas que eu dei. É simples, tem endereço, tem informações de algumas doenças específica, então eu divulgo assim. Além do site, tenho uma página no facebook que eu mesmo fiz e algumas entrevistas que eu dava eu coloquei no Youtube, mas nada exagerado.

Como foi a implantação para a sua secretária?

Eu queria o sistema, a princípio. Eu que passei no começo algumas informações básicas pra ela, mas hoje a Sandra indica o iClinic. Inclusive ela recomendou para outro colega nosso daqui, o Dr. Hideki Kanashiro para usar por que ela gostou. Ela pegou muito rápido o jeito de fazer as coisas. Vocês ganharam mais um cliente por causa dela!

Para finalizar nossa entrevista, conversei  com a simpática secretária Sandra, que trabalha há 12 anos com o Dr. Celso Neves,  ela me contou que o sistema só ajudou na rotina corrida da clínica e que foi muito fácil aprender. Nem foi preciso fazer contato com nossa equipe de suporte, segundo ela “foi só fuçar um pouquinho” e logo já estava dando conta de tudo.  Destacou a agenda como a funcionalidade que mais ajuda em seu trabalho e que também consegue acessá-la do celular.

Quer ver todos esses benefícios no seu consultório? Teste gratuitamente o iClinic por 14 dias e veja como um sistema pode transformar a gestão do seu consultório!

Conheça e experimente o iClinic

Sobre a Clínica do  Dr. Celso Neves

Dr. Celso Neves é Angiologista e Cirurgião vascular com clínica em São Paulo, formado pela Faculdade de Medicina da USP.

É Membro Titular da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular.

Atualmente é Cirurgião Vascular da Disciplina de Cirurgia Vascular do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP.

Tem experiência na área de Medicina, com ênfase em Cirurgia Vascular, atuando principalmente nos seguintes temas: cirurgia arterial, venosa, endovascular.

Conheça o site.

Casos de Sucesso

Mulheres que fazem diferença na área da saúde

O Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, surgiu no começo do século XX, quando mulheres ao redor do mundo começaram a protestar e lutar por igualdade, melhores condições de trabalho, respeito e direito ao voto. Assim ganhou...

O Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, surgiu no começo do século XX, quando mulheres ao red...

O Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, surgiu no começo do século XX, quando mulheres ao redor do mundo começaram a protestar e lutar por igualdade, melhores condições de trabalho, respeito e direito ao voto. Assim ganhou corpo o movimento feminista.

Na área da saúde, sabemos que as mulheres são muito presentes e executam um trabalho fundamental. Por isso, o artigo de hoje é de mulher para mulher! Queremos agradecer e incentivar que continuem nessa bela jornada.

Somos a maioria!

Segundo a Pesquisa da Demografia Médica,  realizada por pesquisadores da Faculdade de Medicina da USP em associação com o CFM (Conselho Federal de Medicina) e o CREMESP (Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo), na área da medicina, até o ano de 2010, os homens predominavam. Porém, a partir de 2011, as mulheres tornaram-se maioria.

Em 2014, 54,8% dos registros no Conselho foram feitos por mulheres. Ao observar a idade dos profissionais, nota-se que a faixa etária de 30 anos ou mais é dominada por homens, ou seja, as mulheres ganharam espaço devido à grande entrada de novas médicas no mercado de trabalho.

Com isso vemos que as mulheres vêm ganhando força, estudando e se tornando excelentes profissionais. É disso que precisamos, mulheres capazes e realizadas. Porém, vale ressaltar que existe um desequilíbrio na remuneração média dos profissionais. Infelizmente, jovens e mulheres recebem proporcionalmente menos do que médicos do sexo masculino acima de 35 anos.

O trabalho das mulheres na medicina vem se destacando nos últimos anos e inspirando novas estudantes a seguirem esta profissão.

Da recepção ao consultório

De acordo com os dados do Censo do IBGE compilados pela Estação de Pesquisa de Sinais no Mercado (EPSM), no macrossetor da saúde, as mulheres representam 65% dos mais de 6 milhões de profissionais. Em algumas carreiras, como Fonoaudiologia, Nutrição, Enfermagem e Serviço Social, elas alcançam quase a totalidade.

Nos momentos de maior fragilidade dos pacientes, as mulheres criam uma rede de solidariedade e cuidado, exercendo um papel fundamental durante tratamentos, consultas, exames e demais processos.

Conjugando afeto, sabedoria e compreensão, as mulheres buscam sempre cuidar bem de seus pacientes.

Mulheres na medicina

Desde o agendamento com a recepcionista, a triagem com a enfermeira, até a consulta com a médica ou outra profissional da saúde, os pacientes vêm sendo cuidados e auxiliados por essas mulheres.

Essas profissionais são reconhecidas por sua sensibilidade, compreensão, cuidado e afeto, porém, devemos nos lembrar de que também são cheias de coragem, determinação e força.

Infelizmente, elas ainda encontram-se distanciadas, em sua maioria, de cargos de liderança e gestão, mas se esforçam para galgar até essas posições e já vêm melhorando esse quadro.

Atualmente, no dia a dia das clínicas e consultórios, você, mulher, pode aprender coisas novas e ser ainda mais produtiva com as tecnologias que vêm surgindo, como softwares de gestão, vasta disponibilidade de informações e inteligência artificial em diagnósticos, por exemplo.

Com menos stress, você pode ser muito mais produtiva.

Médicas e gestoras

Abrir um consultório ou uma clínica envolve muito mais fatores do que apenas dominar a medicina e atender os pacientes. É necessário lidar com finanças, burocracia, administração, comunicação e muito mais. É um grande desafio que muitas médicas têm a coragem de enfrentar, tornando-se gestoras de seus negócios.

Além de ser excelentes em seus atendimentos, elas lidam com gestão financeira, liderança de funcionários, processos administrativos da área e estratégias de marketing. No ano passado, entrevistamos a incrível médica e empreendedora, a Dra. Louise Montesanti, geriatra. Ela contou um pouco de sua história na medicina, dos desafios que enfrentou e das emoções que vivencia diariamente na profissão.

Para conciliar os atendimentos com as responsabilidades que a administração traz, ela utiliza o iClinic, software de gestão para clínicas que facilita o dia a dia com funções como de agendamento, cadastro de pacientes, prontuários e ferramentas de controle financeiro.

Louise já atua na área de geriatria há 17 anos e se mantém atualizada, acompanhando o avanço tecnológico para sempre se destacar no mercado e melhorar a experiência dos pacientes.

Para as mulheres na medicina, nada melhor do que otimizar seu tempo e investí-lo no que mais importa, que é cuidar de seus pacientes.

Coragem, trabalho e sucesso

O dia 8 de março é um marco de luta e superação. É um resgate histórico que perdura no tempo, se mantendo vivo dentro das clínicas, hospitais, centros de pesquisa e demais espaços da sociedade. Nesse dia tão especial, não queremos simplesmente enviar uma mensagem bonita para as mulheres, mas também afirmar a importância da mulher como uma pessoa autônoma, independente e que faz a diferença na sociedade.

Às médicas que estão entrando no mercado de trabalho, inspirem-se, estudem e conquistem seus objetivos!

Mulher, você tem muito valor na sociedade contemporânea. Parabéns pelo seu trabalho e trajetória de vida. Desejamos que cada vez mais conquiste sucesso na área da saúde!

Cadastro na newsletter

Casos de Sucesso

Caso de Sucesso: como gerenciar uma franquia na área da saúde, com Doutor Hernia

Gerir uma clínica já não é uma tarefa fácil, imagine só gerenciar uma franquia na área da saúde. Conversamos com um dos nossos clientes mais antigos, a Doutor Hérnia, para saber quais são os desafios de uma rede de franquias, quais foram as...

Gerir uma clínica já não é uma tarefa fácil, imagine só gerenciar uma franquia na área da saúde. Conversamos c...

Gerir uma clínica já não é uma tarefa fácil, imagine só gerenciar uma franquia na área da saúde.

Conversamos com um dos nossos clientes mais antigos, a Doutor Hérnia, para saber quais são os desafios de uma rede de franquias, quais foram as dificuldades iniciais do empreendimento e também como o iClinic é essencial para o gerenciamento de todas as unidades da rede de 20 franqueados.

Confira o bate papo e conheça os desafios de gerenciar uma franquia na área da saúde:

A Doutor Hérnia surgiu em 2013, na cidade de Cascavel, interior do Paraná.

Um dos fundadores, o Dr. André Pêgas, fisioterapeuta, diz que o empreendimento surgiu a partir dos pedidos dos próprios pacientes.

“Nós estamos em um pólo da saúde no Brasil, por isso, muitos pacientes vinham de outras cidades para realizar tratamentos na clínica. E eles sempre pediam para que nós fossemos atender nas cidades deles. Mas, essa era uma opção inviável, principalmente por causa da logística de viagens. A partir daí, vimos a oportunidade de expandir nossa expertise”, relembra André.

“Eu e o Dr. Laudelino Risso, meu sócio, já temos mais de 20 anos de experiência na área da saúde. Então, criamos protocolos de atendimento específicos para o tratamento da hérnia de disco. Patenteamos esses procedimentos e passamos a ensinar outros profissionais fisioterapeutas por meio da franquia. Dessa maneira, podemos garantir que o paciente vai receber o tratamento com a mesma qualidade que nós oferecíamos”, esclarece.

Atualmente a Doutor Hérnia está presente em mais de 20 cidades em todo o Brasil. André se diz muito satisfeito com o alcance do tratamento que criou.

A rede de franquias tem dois anos e meio e já atendemos mais de 1.500 pessoas em todo o país. É uma alegria muito grande ver que a vida de muitas pessoas foi melhorada com o tratamento que criamos”, conta.

gerenciar uma franquia na área da saúde

Quando questionado sobre as dificuldades iniciais do empreendimento, André cita dois pontos: a adesão inicial do público ao tratamento e o momento do país.

“Assim que lançamos os protocolos de atendimento, tínhamos que fazer as pessoas acreditarem no resultado positivo antes de fazerem o tratamento. Claro, esse receio inicial foi superado rapidamente, e até superou nossas expectativas. A aceitação atualmente é bem grande, afinal, os tratamentos são eficazes e evitam cirurgias em 90% dos casos”, explica.

Outra dificuldade citada por André foi o momento econômico do país. “Esse foi um desafio que enfrentamos, já que lançamos o modelo de franquias logo quando o Brasil começou a entrar em crise. Mas, contornamos isso rapidamente e conseguimos alcançar um crescimento expressivo em pouco tempo”, pontua.

Para gerenciar uma franquia na área da saúde: controle financeiro

Sobre o controle financeiro em todas as unidades da Doutor Hérnia, André disse que utiliza um sistema de gestão online.

Logo no começo do negócio ele procurou por um sistema que integrasse agenda, prontuário eletrônico e controle financeiro e pensou até em desenvolver um sistema próprio para a rede de franquias.

Mas, com a indicação de um fornecedor, ele* fez o teste do iClinic*e viu que a solução era adequada para o que necessitava.

“Nós precisávamos de um sistema de gestão que oferecesse transparência. Ou seja, para que a matriz pudesse ajudar os franqueados a identificar qualquer problema, principalmente na gestão de recursos financeiros. Por exemplo, se analisamos o Fluxo de Caixa e vemos que o aluguel está ficando muito custoso para o franqueado, nós o ajudamos a negociar esse valor com o proprietário do imóvel”, explica.

“Além disso, a mobilidade é fundamental para nosso modelo de gestão. Como temos unidades em várias regiões do Brasil, é inviável fazer o controle no mesmo nível de frequência e detalhamento que temos atualmente se não tivéssemos um sistema em nuvem e acessível de qualquer lugar”, completa o fisioterapeuta.

Conheça e experimente o iClinic

Casos de Sucesso

Médicos nas redes sociais: Caso de Sucesso do Dr. Marcelo Bragança dos Reis

Ainda existem poucos médicos nas redes sociais. Esses e outros profissionais da saúde ainda têm receio de explorar as redes, seja pelo acúmulo de tarefas que já precisam lidar diariamente, a necessidade de atender pacientes em vários locai...

Ainda existem poucos médicos nas redes sociais. Esses e outros profissionais da saúde ainda têm receio de exp...

Ainda existem poucos médicos nas redes sociais.

Esses e outros profissionais da saúde ainda têm receio de explorar as redes, seja pelo acúmulo de tarefas que já precisam lidar diariamente, a necessidade de atender pacientes em vários locais, ou até mesmo as regras impostas pelo Conselho, podem desanimar quem tem interesse em iniciar sua presença online.

Entrevistamos o Dr. Marcelo Bragança dos Reis, onco-ortopedista que está presente em várias redes sociais e começou a se interessar pelo marketing digital há dois anos.

Atualmente ele mantém perfis no Facebook, Google+ e Instagram e comenta que já pensa em ingressar em outras redes como Periscope e YouTube, plataformas de vídeo.

Confira a entrevista completa:

Como você começou a se interessar pelo marketing online?

Comecei a me interessar pelo marketing digital há dois anos quando percebi que, com a difusão do acesso à internet, muitos pacientes buscavam orientações e conteúdos sobre doenças na rede.

Desde dúvidas relacionadas a sintomatologia, indicações de especialista até ajuda na forma de enfrentar diagnósticos como o do câncer. Em meio a uma rede sem supervisão de conteúdo, existe muita informação genérica e incorreta.

Portanto decidi criar um portal que fornecesse todo aparato ao paciente, com informações corretas sobre os diferentes aspectos do diagnóstico do câncer, ações para prevenção e informação para elevar a  qualidade de vida das pessoas.

Este sempre foi o principal objetivo, tornar nossos canais referência em conteúdo atrativo e de qualidade.

Quais desafios você enfrentou na utilização dessas ferramentas digitais?

Acredito que, como para maioria dos médicos, tenho a tendência a me comunicar profissionalmente de forma excessivamente técnica e formal.

Porém reconheço que utilizar uma linguagem mais acessível é fundamental para transmissão da mensagem para o internauta e isto tem sido um grande desafio.

Outro desafio está relacionado a minha especialidade, a oncologia ortopédica, que não é um tema tão comum ou agradável para a maioria das pessoas.

É um desafio constante tentar modificar a realidade de pessoas sensibilizadas pela doença de maneira informativa, relevante e leve.

As pessoas que sofrem com tumor ósseo ou metástase óssea, passam por um momento de grande fragilidade e ao buscar informações sobre sua doença, tento que percebam além da nossa capacidade técnica para conduzir estes casos desafiadores, também nosso cuidado, atenção, respeito e empatia ao falar sobre o assunto.

Nossa mensagem não pode jamais ser muito pesada ou pejorativa e sim informativa, relevante e positiva.

medicos nas redes sociais

Quais são suas melhores práticas no gerenciamento das redes sociais?

Nossas principais práticas envolvem textos com palavras chave, de maneira a posicionar da melhor maneira o nosso conteúdo sobre tumores ósseos, e oferecer diferentes respostas ao leitor sobre variados temas relacionados à oncologia.

Além disso, queremos engajar pessoas na divulgação de conteúdos de apoio ao paciente com câncer e difundir medidas de prevenção. 

Já que o estilo de vida e os cuidados com a saúde, fazem diferença na redução do risco de desenvolvimento de determinados tipos de tumores malignos.

Quais redes têm mais engajamento do público?

Optamos inicialmente por reformular nosso site, utilizar o Google Adwords, Facebook e Facebook Ads e o Google Plus, estendendo nossos conteúdos recentemente para o Instagram e com novas ideias para o Youtube e Periscope.

Estou sempre me informando e lendo sobre as novas redes, buscando entendê-las e verificar se o canal é acessado pelos meus pacientes. A ideia é estar onde eles estão, transmitir nosso conteúdo pelo canal que eles costumam usar.

No momento tenho percebido que o Instagram tem gerado mais engajamento do que o Facebook.

medicos nas redes sociais engajamento

Como tornar temas difíceis, como câncer, em algo interessante para o público?

Resolvi contratar uma agência de marketing especializada na área da saúde para eu continuar exercendo sem prejuízo as minhas atividades de pesquisa, docência, consultas e cirurgias. Por uma questão de otimização do processo e qualidade na arte gráfica.

Sou muito exigente e conheço minhas limitações, não conseguiria dar conta disso sozinho, mas para quem está iniciando é possível testar algumas estratégias valiosas sozinho.

No meu caso, a agência me orienta, analisa os canais e executa as estratégias que acredito serem importantes.

O conteúdo visual é mais atrativo, as ações mais profissionais e com meu auxílio conseguimos alcançar o objetivo de mesclar as informações técnicas, apresentadas com uma linguagem simples, positiva e de fácil acesso ao usuário.

Outro motivo que me levou a escolher uma agência foi a praticidade de execução e gerenciamento, já que minha agenda está sempre cheia não disponho de horas por dia para essa execução.
 

Qual retorno você tem sobre o investimento nas redes sociais?

Os resultados obtidos são excelentes, e com investimento menor do que em outros meios de divulgação offline.

Meu alcance se tornou muito maior e me tornei referência na minha especialidade, estamos semana a semana com números crescentes na internet com boa taxa de conversão em consultas.
 

Mas o mais gratificante é alcançar e colaborar com a vida de cada vez mais pessoas. Cada internauta ou paciente que diz que determinado conteúdo foi útil é uma recompensa.

Também tornamos as nossas redes canais para agendamentos de novos pacientes e para sanar dúvidas e prestar atendimento, tornando assim todo o processo do consultório mais simples e prático para todos.

Meu desejo é a cada dia otimizar as estratégias de marketing digital e ampliar os canais para falar com diferentes públicos e atingir mais pessoas com nosso conteúdo.

redes sociais para medicos e profissionais da saude

Casos de Sucesso

Caso de Sucesso: Como abrir (e gerir bem) uma clínica, com Espaço M

Abrir uma clínica é um grande passo. Conversamos com um de nossos clientes que abriu recentemente uma clínica de saúde multidisciplinar e nos conta os desafios desse empreendimento e também como a simplicidade do iClinic foi fundamental par...

Abrir uma clínica é um grande passo. Conversamos com um de nossos clientes que abriu recentemente uma clínica...

Abrir uma clínica é um grande passo.

Conversamos com um de nossos clientes que abriu recentemente uma clínica de saúde multidisciplinar e nos conta os desafios desse empreendimento e também como a simplicidade do iClinic foi fundamental para eles escolherem esse sistema logo no início do projeto.

Confira o bate papo com todas as dificuldades e oportunidades que oEspaço M enfrentou.

O Espaço M está localizado em São Paulo e foi inaugurado em setembro de 2015. Com o objetivo de ser uma clínica multidisciplinar, lá estão reunidos 12 profissionais de oito especialidades diferentes, como Reprodução Humana, Ortopedia, Dermatologia, Ginecologia, Endocrinologia, entre outros.

Felipe Reis Sanchez é um dos sócios da clínica. Formado em Comunicação Social pela ESPM-SP, ele ajuda na administração do negócio com um olhar focado em marketing e publicidade.

“Nós percebemos que o Profissional de Saúde têm uma formação incrível na faculdade, adquire muitos conhecimentos técnicos, mas não é ensinado a ser um empresário ou mesmo a se vender. É preciso ter um olhar de gestor para administrar um negócio, atrair os pacientes e divulgar sua expertise”, explica.

Quando questionado como surgiu a ideia de iniciar um novo empreendimento, Felipe diz que os sócios se uniram para o bem comum. “Todos os Profissionais de Saúde podem trabalhar para alguém em um hospital ou consultório ou tentar começar seu próprio negócio sozinho, sendo estes caminhos mais árduos. Nós resolvemos criar algo em prol do bem comum, com profissionais que já conhecíamos e confiávamos, e criamos juntos um negócio nosso, para que todos tivessem uma clínica para chamar de sua, além de terem profissionais à sua altura ao seu lado, de diferentes especialidades, agregando valor à clínica”, conta.

Quando perguntamos sobre as principais dificuldades iniciais, sem pensar, Felipe responde a burocracia.

Abrir uma clínica é um processo moroso. Tudo precisa passar por um cartório, tudo precisa ser regularizado e aprovado por alguém, são necessárias muitas vias de tudo, assinaturas, carimbos e, principalmente, muitos impostos. Todos esses processos desanimam qualquer um a ser empresário”, desabafa.

abrir uma clinica espaco m sala

Sobre o processo de gestão no dia a dia, Felipe conta que tudo é organizado e dividido entre os sócios. “Antes de abrir a clínica já traçamos um plano de negócio, ou seja, temos claro qual é nosso objetivo de médio e longo prazo. Temos reuniões semanais para discutir pontos e alinhar as tarefas. Nessas reuniões definimos coisas que precisamos comprar e adaptar na clínica para que os profissionais possam atender o paciente da melhor maneira possível“, comenta.

Ainda sobre o bem estar dos pacientes, Felipe atenta para a acessibilidade da clínica. “Tudo aqui está de acordo com o que é pedido pelos Conselhos de Medicina.* Todo o espaço é adaptado para que qualquer pessoa*, com qualquer tipo de deficiência, possa acessar a clínica”, conta.

Sobre o gerenciamento das finanças, Felipe explica que um dos sócios é formado em Administração e essa tarefa fica sob sua responsabilidade.

“Nós centralizamos o controle das finanças nele, até por uma questão de conhecimentos técnicos, mas todos nós validamos as ações e investimentos feitos”, ressalta.

Sobre a comunicação da clínica, Felipe diz que existem duas estratégias principais. “Nós contratamos uma agência de comunicação para planejar e executar ações online e offline. E também incentivamos que os profissionais daqui se indiquem. Ou seja, queremos que os pacientes sejam da clínica e não só de um profissional. Assim todos se ajudam e podemos cumprir o objetivo de ser multidisciplinar de fato”, explica.

abrir uma clinica espaco m recepcao

Outra singularidade da comunicação externa da clínica que Felipe nos conta é o portal M de Mãe. O site é uma mistura de portal com rede social, que é atualizado periodicamente com informações, novidades e conteúdo produzido pelos próprios médicos da clínica. A ideia é melhorar e aumentar a conversa com os pacientes.

Sobre a* escolha pelo sistema iClinic*, Felipe afirma que ele próprio fez o teste com vários programas.

“Apesar de não ser médico, minha principal preocupação era a facilidade em utilizar o sistema. Escolhemos o iClinic porque a interface é muito fácil de utilizar, é intuitiva. Qualquer pessoa que sabe mexer na internet, sabe usar o iClinic. O sistema é fundamental para nós no cadastro dos pacientes, na agilidade do agendamento e na criação de prontuários personalizados para cada profissional”, comenta.

eBook gratuito sobre Como Montar Seu Consultório Médico

Descomplique a gestão da sua cliníca

Ligue agora para tornar sua clínica mais produtiva e organizada.

Ligue para o iClinic