Como a terapeuta Danieli proporciona maior qualidade nos atendimentos com o iClinic?

Como a terapeuta Danieli proporciona maior qualidade nos atendimentos com o iClinic?

Yasmim Mayumi Casos de Sucesso Leave a Comment

Leia em 5 min.

Ter uma visão humanizada do paciente e proporcionar ainda mais qualidade são objetivos comuns na terapia ocupacional. Descubra aqui como a terapeuta Danieli decidiu ter um software médico como aliado nessa jornada.

Todos os profissionais da área da saúde estão constantemente preocupados em oferecer o melhor atendimento para seus pacientes, e isso não é diferente para os terapeutas ocupacionais. Ter essa visão humanizada é fundamental para promover um atendimento de excelência aos pacientes.

A terapeuta ocupacional Danieli queria ter ainda mais qualidade nos atendimentos dos seus pacientes, por isso, optou por atender apenas no particular e contar com a ajuda de um software médico.

Continue a leitura e confira como a terapeuta Danieli alcançou seus objetivos com o auxílio do software médico iClinic. Acompanhe e descubra!

Como a terapeuta Danielli Farias promove maior qualidade nos seus atendimentos?

A terapia ocupacional é uma área da saúde que foca não apenas em realizar tratamentos, mas também se preocupa que durante todo esse processo, a promoção da saúde do paciente também seja trabalhada, garantindo a qualidade durante toda a sua vida. 

Essa filosofia de promoção da qualidade de vida foi um dos fatores que contribuíram para que a terapeuta Danieli decidisse seguir nessa profissão. 

“Tinha muito interesse em ajudar o próximo, e vi que a profissão era bem completa. A cada ano da faculdade eu me encantava mais, principalmente, por ela ver o paciente como um todo e não como uma patologia ou diagnóstico.”

Porém, um dos grandes desafios da terapia ocupacional é conseguir formar profissionais capacitados de acordo com a demanda da população. Segundo o Guia do Estudante, todas as regiões do Brasil sofrem com a falta de terapeutas ocupacionais, com exceção do sudeste.

“São poucas as faculdades que disponibilizam o curso de terapia ocupacional. Eu me formei em 2003 em Campo Grande no Mato Grosso do Sul, e, se depois, teve mais de quatro turmas, foi muito.”

Esse dado mostra que essa profissão precisa ser ainda mais divulgada na área da saúde, principalmente quando pensamos na qualidade do atendimento ao paciente.

“Eu trabalho com cirurgião de mão e neurologista. Eles sabem da importância e valor do terapeuta ocupacional, porque fizeram residência fora. No entanto, a demanda em Cuiabá, Mato Grosso, não tem conhecimento, pois também não existe faculdade aqui para terapeutas ocupacionais.”

Alcance mais qualidade no atendimento com iClinic como a Danieli

É muito comum os terapeutas ocupacionais trabalharem em conjunto com médicos como cirurgiões, e isso não é diferente com a terapeuta Danieli.

“Os médicos perguntam minha opinião, eles se baseiam na minha avaliação para decidir se vai ter procedimento cirúrgico ou intervenção apenas comigo. Saber o ponto de vista da terapia ocupacional é fundamental.”

Durante a entrevista, Danieli enfatizou a importância da divulgação sobre a terapia ocupacional, e como muitas pessoas ainda confundem essa profissão com a de um fisioterapeuta. 

“Precisamos divulgar ainda mais a profissão. Alguns médicos entendem, mas muitos confundem nossa atuação com fisioterapia, e é totalmente diferente. Precisamos tirar o estigma de que é igual a fisioterapia, ou que só “brincamos”. “Brincar” é um dos recursos que a terapia ocupacional usa, mas é muito mais do que isso.”

A terapeuta Danieli explicou a principal diferença entre as duas profissões. Na fisioterapia, o tratamento se baseia apenas na lesão. Imagine que o paciente tenha machucado o joelho. Se a lesão foi tratada, e ele voltou a andar, já é o suficiente.

“O fisioterapeuta não vai se preocupar com questões como: o paciente está afastado do serviço? Algum transtorno no ambiente familiar está sendo causado? Como ele está se sentindo, como está a vida dessa pessoa?”

Porém, na terapia ocupacional, essa visão é totalmente diferente. Muito mais do que apenas tratar a lesão do paciente, todo o aspecto emocional é trabalhado.

Na terapia ocupacional, nós olhamos o paciente como um ser funcional. Eu preciso avaliar como ele se machucou, se foi acidente de trabalho, como ocorreu, o que causou a lesão, e como evitar essa lesão novamente. Se é um machucado na mão, qual é o melhor jeito dele comer, se vestir, como entregar independência novamente para o paciente?”

O terapeuta ocupacional, por exemplo, vai até o ambiente de trabalho para garantir que aquela lesão não irá se repetir. Caso tenha alguma contra indicação que impeça o paciente de continuar trabalhando naquela área, o profissional e o paciente buscam uma nova área no trabalho, para que ele não fique lesionado e não corra o risco de entrar em um quadro depressivo.

“Tenho um ano de psicologia na minha grade, mas não sou psicóloga. Porém, é fundamental trabalhar os aspectos emocionais com o paciente, olhando o ser como um todo e não como uma sequela. A terapia ocupacional vai ajudar no tratamento da lesão e na reabilitação da pessoa na sociedade.”

Por que a terapeuta ocupacional Danieli Farias escolheu o iClinic como software médico?

Pensando em todos os desafios que a Danieli tem em sua rotina médica, uma questão levantada durante a entrevista foi: por que ter um software médico? E por que o iClinic?

“Sempre fui servidora pública. Era bem difícil encontrar os prontuários, refleti e analisei que aquilo não era pra mim, não conseguia trabalhar de forma eficaz, eram metas e eu não queria quantidade, queria qualidade.”

Visando alcançar ainda mais qualidade em seu atendimento, a terapeuta Danieli decidiu que era hora de deixar o serviço público, e iniciar o atendimento dos pacientes de forma autônoma, com a ajuda de um software médico

É muito mais prático, tenho menos papel, menos bagunça. Escolhi pela praticidade, por ter uma agenda com mais clareza e mais eficácia. Junto com meu marido decidi procurar um sistema, e escolhi o iClinic.”

A funcionalidade favorita da Danieli definitivamente é a agenda médica, por sua praticidade e facilidade de visualização. 

“A agenda é fantástica, não tenho o que reclamar. Além disso, conseguir anexar fotos e documentos também é excelente. Poder personalizar minha avaliação e ter essa liberdade é fundamental. Minha rotina sem o iClinic seria bem bagunçada.”

Além da agenda, o atendimento da equipe de suporte do iClinic também foi apontado como um diferencial importante.

“Vocês são muito rápidos quando eu preciso. Vocês estão sempre ali, são extremamente prestativos, perguntando se tá tudo bem e se consegui resolver determinada situação. Por exemplo, eu evito ao máximo banco, e vocês mandam mensagem, me orientam, é totalmente diferente.”

Quer conhecer os diferenciais do iClinic na prática e alcançar mais qualidade assim como a terapeuta ocupacional Danieli? Teste gratuitamente o software iClinic agora mesmo:

Experimente gratuitamente: Comece agora a testar o iClinic. Clique aqui!

Contatos da terapeuta ocupacional Danieli Farias:

Endereço: Avenida Senador Metelo, 874 – Centro Sul – Cuiabá/ MT

E-mail: danieli@wg3.com.br

Telefone: (65) 999685168


Sobre o autor

Yasmim Mayumi

Especialista em Marketing de Conteúdo e estudante de Letras na Barão de Mauá em Ribeirão Preto.