Split de pagamento em clínicas e consultórios: o que é e como funciona?

Split de pagamento em clínicas e consultórios: o que é e como funciona?

Dra. Luciana Lessa Ferramentas para Clínica

Leia em 4 min.

Última atualização em 24/03/2022 por Yasmim Mayumi

O split de pagamentos em clínicas e consultórios permite que um pagamento digital (por maquininha ou pagamento online) seja dividido entre diferentes recebedores, o que evita a bitributação.

A maior parte dos médicos gestores está acostumado a fazer o repasse no final do mês ou pagar a parte de um profissional de saúde que atuou em um procedimento depois de receber o pagamento do paciente.

O problema de receber o pagamento e depois repassá-lo como um recebível é a bitributação.

Ao fazer o imposto de renda, o pagamento do paciente por um procedimento cirúrgico é uma atividade, e pagar o anestesista que atuou nesse mesmo procedimento, é outra.

Ou seja, a mesma entrada financeira será cobrada duas vezes ou mais no imposto. Isso se chama bitributação.

Com um split de pagamento, cada profissional receberá sua parte em uma única transação, o que evita esse problema. Continue no artigo e aprenda:

  • O que é split de pagamento
  • Para quem é indicado o split de pagamento
  • 5 benefícios do split de pagamento em clínicas e consultórios
  • Como funciona o split de pagamento em clínicas e consultórios
  • Como ter um split de pagamento em clínicas e consultórios

O que é split de pagamento?

Split pode ser traduzido como “divisão”, ou seja, divisão de pagamento. 

É uma solução que divide valores de forma customizada entre parceiros na hora da autorização de pagamento entre a clínica e o paciente.

Assim, cada um recebe o valor definido por sua participação e evita que ocorra a bitributação, que desvaloriza o saldo final do profissional responsável por receber e distribuir a quantia de cada uma das partes.

O cirurgião que recebe por uma cirurgia e precisa repassar valores para anestesistas e instrumentadores, por exemplo, poderá repassar diretamente para a conta cadastrada de cada um.

Para quem é indicado o split de pagamento?

O split de pagamento é indicado para qualquer clínica ou consultório que precisa repassar valores para diferentes profissionais de saúde. 

O tamanho da empresa não importa, o que é preciso levar em consideração é o modelo de negócio. 

Se você é o único profissional de saúde do consultório, o split de pagamento provavelmente não é necessário.

Agora, se você possui uma clínica na qual diferentes profissionais atuam em um mesmo procedimento, o split de pagamento é a solução ideal para garantir eficiência e transparência.

5 benefícios do split de pagamento em clínicas e consultórios

1. Garante a transparência nos pagamentos

O split de pagamento oferece a visualização de todos os detalhes do pagamento para os envolvidos, o que assegura a transparência de que todos receberam segundo o acordo de cada profissional de saúde.

Esse benefício impacta diretamente na satisfação dos profissionais com a clínica. Afinal, uma empresa que facilita o recebimento se mostra dedicada em melhorar seus processos para a equipe.

Assista nosso vídeo para saber como aumentar ainda mais a satisfação dos médicos na hora de fazer o repasse médico:

2. Evita a bitributação

A bitributação é caracterizada pela duplicidade na cobrança de impostos por um mesmo serviço prestado. 

Geralmente, o paciente realiza o pagamento a um dos profissionais que deverá distribuir a quantia que cabe a cada um. 

Ao receber, o médico é tributado sobre o valor total e ao transferir o destinatário também sofre o tributo sobre a sua parte. Esse movimento desvaloriza o faturamento do médico.

Ao repassar a parte dos demais envolvidos, cada um receberá o valor combinado, enquanto o médico que recebeu pela transação e é tributado sobre o valor total perderá parte do seu lucro. 

Com a função split de pagamento, o cenário muda e cada um recebe na conta indica o valor definido que corresponde a sua atuação. Assim, o médico que recebeu pelo serviço não é prejudicado.

3. Automatiza o repasse médico

O que antes exigiria cálculos e transferências, com o split é feito de forma totalmente automática, evitando erros comuns de distribuição de valores entre profissionais.

4. Melhora a gestão financeira

Toda a gestão financeira é impactada positivamente pelo split de pagamento. Além de aumentar o faturamento do médico, é possível contar com essa ferramenta integrada a um sistema financeiro.

Um software médico de qualidade, como o iClinic, tem uma solução financeira completa com:

  • Fluxo de caixa;
  • Cadastro de entradas e saídas financeiras;
  • Repasse médico;
  • Maquininha de cartão de crédito e débito com pagamento por aproximação, leitor de QR Code, PIX e Wi-fi;
  • Pagamento online;
  • Antecipação de recebíveis;
  • Geração de guias de consulta TISS em lotes;
  • Histórico de transações;
  • Simulador de vendas.

Conheça mais sobre a iClinic Pay, meio de pagamento para clínicas e consultórios completamente integrada ao sistema iClinic:

iClinic Pay: o meio de pagamento feito para a sua clínica!

5. Aumenta a credibilidade da clínica

A transparência, aumento de faturamento, processos financeiros automáticos e gestão financeira de qualidade, fortalecem a credibilidade da clínica.

Infelizmente, a maioria das clínicas e consultórios não contam com processos organizados quando falamos sobre controle financeiro, devido a falta desse conhecimento no currículo dos administradores.

Porém, ao ter um conhecimento básico sobre finanças e ferramentas financeiras eficientes, é possível superar esses problemas e construir uma marca forte para a empresa.

Como funciona o split de pagamento em clínicas e consultórios?

Essa solução funciona de maneira simples que pode ser dividida em 3 principais etapas. Veja quais são elas:

  • Configuração de dados: o primeiro passo é configurar as informações necessárias para a divisão dos pagamentos, como as porcentagens para cada profissional que serão cadastrados com nomes, documentos, contas bancárias, entre outros;
  • Seleção dos beneficiários: ao receber um pagamento que deverá passar pelo split, passa selecionar quais profissionais participarão da divisão e o sistema automaticamente dividirá de acordo com as porcentagens configuradas na etapa anterior;
  • Emissão das notas fiscais: depois do pagamento ser feito com sucesso, o paciente  e a clínica receberão as notas fiscais de todo o pagamento.

Como ter um split de pagamento em clínicas e consultórios?

Para ter um split de pagamento na sua clínica, o recomendado é contar com um software médico que tenha essa solução e ferramentas como prontuário eletrônico, Teleconsulta, marketing e gestão financeira.

Assim, você centraliza todas as soluções que precisa em um único lugar e tem mais integração de dados, que gerarão informações valiosas para o planejamento estratégico do seu negócio.

Teste gratuitamente o iClinic para conhecer um sistema com todos esses diferenciais:

Experimente gratuitamente: Comece agora a testar o iClinic. Clique aqui!

Sobre o autor

Dra. Luciana Lessa

COO da Medicinae Solutions, a única plataforma de antecipação de faturas médicas do Brasil. Graduada em Medicina pela Universidade Federal Fluminense (UFF), Cirurgiã Geral, MBA de Executivo em Saúde pela FGV, Health Management pela UPENN, Design Thinking na D.School - Stanford, possui mais de quinze anos de experiência no setor.