como montar clínica

5 Táticas para criar o plano de negócios do seu consultório médico

Atender seus pacientes em seu próprio local de trabalho é o verdadeiro começo da carreira para muitos profissionais de saúde.

É o começo da construção de uma reputação como especialista e uma imagem de excelência.

Como em qualquer área, alguns levam mais tempo que outros para atingir o sucesso – não é diferente com o médico que deseja montar seu consultório.

O fator que mais influencia no sucesso do médico neste sentido é o conhecimento holístico não só de sua especialidade.

Um consultório deve ser visto uma empresa, uma organização.

Existem obrigações trabalhistas envolvidas, planejamento e operações financeiras e jurídicas, entre outras tarefas que exigem conhecimento e habilidades além da Medicina.

O primeiro passo para o médico que quer montar seu consultório é, sem dúvida, entender todos os fatores envolvidos nesta decisão.

Para isso, desenvolvemos um Guia Definitivo sobre como montar um consultório médico do zero. Você pode fazer o download gratuito do Guia abaixo:

eBook gratuito sobre Como Montar Seu Consultório Médico

Após entender muito bem quais são as principais decisões na hora de montar seu consultório, o próximo passo é montar um Plano de Negócios.

O Plano de Negócios é uma metodologia de planejamento que vai ajudá-lo a não deixar escapar nenhuma decisão importante referente ao seu novo empreendimento – no caso, sua clínica.

Existem muitos modelos de Plano de Negócios na internet e na literatura- o SEBRAE, por exemplo, possui um modelo muito completo e didático –  que você pode utilizar, porém o mais efetivo é você utilizar um pouco de cada modelo e montar o seu próprio.

Afinal de contas, só você conhece as particularidades da sua nova clínica!

De qualquer modo, existem 5 aspectos básicos que não podem faltar em um Plano de Negócios para consultórios:

1. Sumário executivo

Para confeccionar o sumário executivo de seu plano de negócios, defina:

- Quais serão as áreas de atuação de seu consultório,

- Quais são e a forma correta de realizar o recolhimento dos tributos,

- Você terá ou não um sócio?

Estes três fatores são de suma importância, pois estão diretamente relacionados ao tipo de empresa em que seu consultório será registrado perante aos órgãos públicos.

A origem dos recursos também deve ser claramente definida, ou seja, o quanto será proveniente do bolso dos sócios e o quanto será obtido a partir de empréstimos ou financiamentos.

O capital social é importante, pois ele define o quanto o consultório vale e também pode representar acesso a diferentes linhas de crédito oferecidas tanto pelo governo como por entidades privadas.

 fisioterapeuta<em>sao</em>bernardo

2. Análise de mercado

A análise de mercado apresenta os dados formalmente relacionados a concorrentes e, principalmente, pacientes.

A região onde o consultório será instalado também deve ser considerada neste ponto da confecção do plano de negócios.

Na imagem acima, por exemplo, fizemos uma busca no Google para identificar onde estão localizadas as* clínicas e consultórios de Fisioterapia na cidade de São Bernardo do Campo.
*

Você pode fazer o mesmo e buscar entender porque estes consultórios estão localizados em determinada região a quais perfis de pacientes atendem.

É importante que você se faça algumas perguntas, como:

  • Você terá muitos pares atuando na mesma região?
  • Seu bairro é próximo dos seus pacientes?
  • Será que existem muitos médicos nesta mesma especialidade nesta região?
  • Estes médicos já tem o “o nome feito”?
  • Será que há espaço para sua especialidade?*
    *

Faça uma pesquisa sobre a melhor localização a instalar seu consultório, pois isso fará muita diferença no longo prazo.

Logisticamente falando, seus pacientes terão alguma dificuldade para conseguir comparecer às suas consultas?

3. Plano de marketing e comunicação

Para o plano de marketing, é muito importante pensar em como construir uma boa imagem do seu consultório e como será feita a comunicação dos seus serviços.

Estratégias de comunicação online podem – e devem – ser levadas em consideração, afinal, os meios digitais são mais baratos e fáceis de se trabalhar.

A internet pode ser uma forte aliada. Existem diversas oportunidades online para o médico estar sempre bem posicionado nas redes de busca (como o Google, por exemplo).

Em nosso artigo 7 Dicas para aumentar a visibilidade do médico na internet você poderá entender melhor como pode ter uma forte presença na rede.

Porém, cuidado!

O Conselho Federal de Medicina (CFM) possui regras muito especificas a respeito do Marketing Médico e você deve estar atento antes de realizar qualquer tipo de campanha.

Muitas formas de divulgação são proibidas pelo CFM, como a realização de promoções, a divulgação de tratamentos “com resultados garantidos” e até mesmo as famosas selfies com os pacientes.

marketing médico

4. Plano operacional

Neste ponto, deve ser pensada a estrutura física do consultório, assim como* a capacidade produtiva para a execução dos serviços médicos*.

Quantos e quais são os procedimentos médicos realizados?

Talvez eles demandem a ajuda de um profissional adicional e o espaço para esta atividade deve estar previsto no plano operacional.

Quais ferramentas eu posso utilizar para ganhar eficiência na clínica?

Sistemas de gestão podem ser muito úteis para controlar desde a agenda médica, prontuários eletrônicos e até as finanças do consultório.

Centralizados, estes softwares de gestão fornecerão maior controle ao profissional de saúde das atividades da clínica.

Desde a secretária até os locais para limpeza, tudo deve estar detalhado no plano operacional.

5. Plano financeiro

Por fim, porém não menos importante, o* plano financeiro* necessitará muitos detalhes, de impostos até a gestão dos seus custos

Valores de gastos fixos, capital de giro, gastos pré-operacionais, além do faturamento esperado, dos custos dos procedimentos médicos, salários, propaganda, etc.

São muitos detalhes a serem considerados, além dos valores com depreciação de equipamentos médicos, demonstrações financeiras, ponto de equilíbrio dos procedimentos, dados de lucratividade, rentabilidade e quanto tempo o consultório demorará para trazer de volta os valores investidos.

Como centralizar todas estas informações?

Existe uma ferramenta muito simples, entretanto muito poderosa: o Fluxo de Caixa!

Através do Fluxo de Caixa você poderá ter TOTAL controle das contas da clínica e ainda projetar valores no futuro e ter a saúde financeira do consultório no longo prazo.

No artigo 5 Dicas de como controlar o Fluxo de Caixa para clínica e consultório médico você poderá conhecer melhor como funciona o Fluxo de Caixa e* fazer o download gratuito de um modelo de planilha em Excel!*

 Fluxo de Caixa para clínicas e consultórios

Conclusão

Montar seu próprio consultório pode ser trabalhoso, porém é extremamente gratificante e o retorno é muito maior que apenas financeiro.

Com um pouco de dedicação em tempo de estudo destes tópicos que citamos acima, sem dúvida seu consultório terá um grande sucesso e você atingirá tanto sua realização financeira quanto profissional.

E você sempre poderá contar conosco para ser seu parceiro em Gestão!

Além de um sistema completo de gestão para clínicas e consultórios médicos em constante atualização, buscamos ajudar médicos e outros profissionais de saúde a gerenciarem melhor seus consultórios e atingirem a excelência em sua administração.

Consultórios mais organizados e planejados são capazes de oferecer um atendimento melhor aos seus pacientes.

eBook Gratuito sobre Gestão de Clínicas e Consultórios

Veja também:

Casos de Sucesso ... Mar 28, 2017

Caso de Sucesso iClinic: Dr. Celso Bregalda Neves

materiais educativos ... Dec 20, 2016

Todos os materiais educativos iClinic

Para Secretárias ... May 19, 2016

5 coisas que toda recepcionista de consultório precisa saber

Veja também:

Casos de Sucesso ... Mar 28, 2017

Caso de Sucesso iClinic: Dr. Celso Bregalda Neves

materiais educativos ... Dec 20, 2016

Todos os materiais educativos iClinic

Para Secretárias ... May 19, 2016

5 coisas que toda recepcionista de consultório precisa saber

comments powered by Disqus